Bernardo Faria volta a derrotar Lo e é campeão absoluto do Pan; Andresa brilha e leva ouro duplo

Tatame

21/03/2016 02:03

O Bren Events Center, localizado em Irvine, na Califórnia (EUA), foi, neste domingo (20), palco do último dia de competições do Pan-Americano de Jiu-Jitsu 2016 da IBJJF. Sem lutar em sua categoria para se poupar por conta das lesões recentes que vem sofrendo, Bernardo Faria preferiu focar na final do absoluto e mostrou que a escolha foi bem feita, ao vencer a fera Leandro Lo com um estrangulamento nas costas e conquistar o título no pesado aberto. No feminino, o ouro ficou com Andresa Correa, já que Dominyka Obelenyte - a sua adversária na finalíssima - sofreu uma lesão no joelho e não teve condições de entrar em ação. O último dia do Pan também marcou a consagração da Alliance como campeã do ranking entre equipes no adulto - masculino e feminino -, da Gracie Barra no masters, da Atos no juvenil e novamente da Alliance entre os novatos (veja).

Bê Faria repete feito de 2015 e mais uma vez conquista o absoluto

No Pan de Jiu-Jitsu realizado em 2015, Bernardo Faria enfrentou Leandro Lo e levou a melhor no confronto, sagrando-se campeão absoluto na ocasião. Neste ano, os dois atletas voltaram a se encontrar na decisão do peso aberto, e o lutador da Alliance voltou a vencer. Se no último sábado (19) Bernardo mostrou estar com as finalizações em dia nos combates que realizou, neste domingo o mineiro seguiu com seu jogo afiado, e grudou nas costas de Lo para triunfar com um estrangulamento. Foi a primeira competição de Bernardo em 2016, já que no ano anterior o lutador sofreu uma séria lesão na preparação para o ADCC 2015. Em sua campanha no absoluto do Pan, a fera de Juiz de Fora derrotou Ezra Lenon,  Victor Silvério, Gabriel Arges e Tim Spriggs.

620x413
Bernardo Faria voltou a derrotar Leandro Lo para conquistar título absoluto no Pan (Foto IBJJF)


Em ótima fase em 2016, Andresa Correa garante mais um ouro duplo

Uma das melhores atletas do Jiu-Jitsu feminino nos dias atuais, Andresa Correa começou 2016 seguindo o ótimo momento do ano passado. Após ganhar o título do Europeu em janeiro deste ano, a lutadora da Alliance voltou a garantir o ouro duplo, desta vez no Pan da IBJJF. Depois de faturar o título no meio-pesado ao derrotar Leah Taylor, Andresa também assegurou o lugar mais alto do pódio no absoluto sem nem ao menos precisar disputar a final, por conta da contusão de Dominyka Obelenyte. Em sua trajetória no peso aberto, Correa venceu Amanda Loewen e depois se classificou automaticamente para a grande decisão, já que Bia Mesquita e Tammi Musumeci - que lutaram e a vencedora pegaria Andresa nas semis - foram desclassificadas.

620x520
Andresa Correa voltou a brilhar e garantiu ouro duplo no Pan deste ano (Foto FloGrappling)


Irmãos Miyao, Leandro Lo e Luiz Panza se destacam nas categorias

Além das disputas do absoluto neste domingo, o último dia de competição também trouxe as disputas por título nas categorias. Nos galos, a promessa Michael Musumeci - irmão de Tammi Musumeci - fez uma bela campanha e na grande final derrotou Lucas Santos por 6 a 3. Na divisão dos plumas, João Miyao manteve a ótima fase de sua carreia e levou o ouro ao superar Gabriel Moraes por 2 a 0, enquanto seu irmão, Paulo Miyao, assegurou o lugar mais alto do pódio nos penas ao vencer Osvaldo Queixinho por uma vantagem.

Os títulos no masculino seguiram saindo no peso-leve, com Edwin Najmi finalizando Francisco Sinistro e tornando-se campeão. Nos médios, Yago Souza mostrou raça para superar Vitor Oliveira por duas vantagens na decisão e levar o ouro. Na divisão dos meio-pesados, Leandro Lo e Rômulo Barral protagonizaram um grande clássico da arte suave, e quem saiu vencedor - e com o ouro - foi Lo. Nos pesos-pesados, Cássio Francis superou o experiente Léo Nogueira para ficar com o lugar mais alto do pódio, enquanto Luiz Panza e André Galvão foram os campeões nas categorias superpesados e pesadíssimos, respectivamente.

Já no feminino, a festa começou com a bicampeã mundial Gezary Matuda, que fez grande campanha no peso-pluma e superou Kristina Barlaan na final. Na divisão dos penas, a multicampeã Mackenzie Dern derrotou Karen Antunes por quatro vantagens e ficou com o ouro. Na categoria peso-leve, Bia Mesquita desbancou a promessa Tammi Musumeci na decisão dos árbitros. Outras campeães da competição foram Luiza Monteiro, Andresa Correa, Talita Treta e Dominyka Obelenyte, com grandes campanhas em suas respectivas divisões.

* Veja os resultados completos do Pan-Americano de Jiu-Jitsu 2016 da IBJJF

Confira abaixo os resultados das finais na faixa preta adulto:

> Masculino

Peso-galo: Mikey Musumeci derrotou Lucas Campos por 6 a 3 nos pontos
Peso-pluma: João Miyao derrotou Gabriel Moraes por 2 a 0 nos pontos
Peso-pena: Paulo Miyao derrotou Oswaldo Queixinho por 1 a 0 nas vantagens após 6 a 6 nos pontos
Peso leve: Edwin Najmi finalizou Francisco Sinistro com uma chave de pé
Peso médio: Yago Souza derrotou Vitor Oliveira por 2 a 0 nas vantagens após 4 a 4 nos pontos
Meio-pesado: Leandro Lo derrotou Rômulo Barral por 2 a 0 nos pontos
Pesado: Cássio Francis derrotou Léo Nogueira por 2 a 0 nos pontos
Superpesado: Luiz Panza finalizou Alex Ceconi com uma chave de pé
Pesadíssimo: André Galvão venceu ao fechar com Joseph Moku Kahawai
Absoluto: Bernardo Faria finalizou Leandro Lo com um estrangulamento

> Feminino

Peso-pluma: Gezary Matuda finalizou Kristina Barlaan com um estrangulamento
Peso-pena: Mackenzie Dern derrotou Karen Antunes por 4 a 0 nas vantagens após 4 a 4 nos pontos
Peso leve: Bia Mesquita derrotou Tammi Musumeci na decisão dos árbitros após 2 a 2 nos pontos
Peso médio: Luiza Monteiro derrotou Michelle Nicolini por 7 a 0 nos pontos
Meio-pesado: Andresa Correa finalizou Leah Taylor com uma chave de pé
Pesado: Talita Treta derrotou Fernanda Mazzelli por 4 a 0 nos pontos
Superpesado: Dominyka Obelenyte finalizou Samela Lopes com um triângulo
Absoluto: Andresa Correa venceu por W.O.