Para 'recuperar espaço', líder da Game Fight mira ranking da FJJD-Rio: 'Vamos com força total'

Yago Rédua

07/01/2017 11:00

248x208
Vinicius Amaral, líder da Game Fight, promete a equipe forte para o ranking de 2017 (Foto divulgação)

Ao fim da última temporada, a Game Fight ficou com um "gostinho" de que poderia ter feito mais no ranking da CBJJD e FJJD-Rio. No entanto, Vinicius Amaral, líder da equipe, explicou em entrevista à TATAME que apesar de não ter entrado com um alto número de competidores, o ano foi "produtivo" e a academia conquistou uma das passagens para o World Pro, evento da UAEJJF em Abu Dhabi, com o casca-grossa Marcos Junior.

"O ano de 2016 para a Game Fight na FJJD-Rio foi muito produtivo, porque o foco da equipe não ficou sendo essas federações. Então, não entramos com força total, acabamos entrando com poucos atletas, mas tivemos lutadores campeões. O Marcos Junior sendo campeão na faixa-preta adulta e conquistando a passagem (para o Mundial de Abu Dhabi). Para 2017, vamos com força total e com o objetivo de conquistar mais passagens para os eventos da UAEJJF", apontou.

Sobre a próxima temporada, que se inicia daqui a menos de um mês, o líder da equipe garantiu foco total no ranking único da FJJD-Rio e CBJJD. Para o mestre, 2017 marcará o retorno da Game Fight ao cenário do Jiu-Jitsu estadual, e ele mira o título por equipes.

"Essa premiação que a FJJD-Rio está dando é muito boa. Isso aumenta a motivação dos competidores, da equipe por tudo o que está sendo proposto. Vamos entrar para brigar pelas passagens, o título por equipe, que é muito importante. Então, vai marcar o retorno da Game Figth aos rankings da FJJD-Rio", encerrou ele.