Dedé Pederneiras revela lesão na perna de Aldo em duelo contra Max Holloway: ‘Só a gente sabia’

    Apesar de muitos pedidos da torcida, Aldo aplicou poucos chutes na luta contra Holloway (Foto Getty Images)
    Apesar de muitos pedidos da torcida, Aldo aplicou poucos chutes na luta contra Holloway (Foto Getty Images)

    Apesar da derrota por nocaute técnico no terceiro round para Max Holloway, no último dia 3 de junho, na luta principal do UFC Rio, José Aldo teve uma boa atuação nos dois primeiros assaltos de luta, mostrando boa movimentação e aplicando alguns bons socos sobre o americano, agora novo campeão peso-pena do Ultimate. No entanto, muitos torcedores sentiram falta dos tradicionais chutes aplicados pelo brasileiro, uma de suas grandes características.

    Para explicar a ausência dos chutes de Aldo durante o combate, nada melhor que Dedé Pederneiras, treinador do manauara. Em entrevista ao programa de TV “Fox Fight Club” nas redes sociais, o líder da Nova União revelou que o brasileiro estava com um estiramento na perna, o que o impediu de aplicar chutes contra Max Holloway.

    Apesar de muitos pedidos da torcida, Aldo aplicou poucos chutes na luta contra Holloway (Foto Getty Images)
    Apesar de muitos pedidos da torcida, Aldo aplicou poucos chutes na luta com Holloway (Foto Getty Images)

    “O Aldo estava com uma lesão na perna, então não pôde fazer nada de chute ao longo do camp inteiro, não pôde fazer corrida. Não que isso tire o mérito do Max Holloway da vitória, mas muita gente está perguntando o motivo do Aldo não ter chutado. Só a gente no córner sabia, a gente estava evitando os chutes por conta dessa lesão, tínhamos medo de estirar de uma vez ali, então passamos o tempo inteiro trabalhando a parte do Boxe, a parte de queda e a parte de chão”, explicou Dedé, que ainda fez elogios a Holloway e disse que espera por uma revanche futuramente, no entanto, declarou que Aldo, provavelmente, terá que fazer uma luta antes de um possível title shot.

    “Parabéns ao Max Holloway, que é uma pessoa sensacional, humilde e respeitadora. A gente espera uma revanche, com certeza. O Aldo provavelmente vai ter que fazer uma luta antes de ter uma revanche pelo título. Em uma possível luta entre o Holloway e o Frankie Edgar, não sei se vem o Holloway ou o Edgar”, encerrou.

    6 COMENTÁRIOS

    1. Torço pelo Aldo e sua equipe, mas cabe ressalva. Via de regra, todo atleta luta com algum grau de lesão. Se julga que a lesão é relevante, não lute e diga o porquê. Se julga que vale a pena o sacrifício, lute e não revele que lutou lesionado, e isto serve para LUTADOR E EQUIPE. É anti-ético, pois deixa implícito no ar que, se não fosse a lesão, ele teria vencido. Simplesmente levante, sacuda a poeira e dê a volta por cima, volte determinado a vencer outro dia.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome