MMA UFC

Por motivos pessoais, Megan Anderson está fora do UFC 214; Cyborg encara Evinger pelo título

Cris Cyborg terá uma nova adversária pela frente no UFC 214, que será realizado no dia 29 de julho, em Anaheim, nos Estados Unidos. Por motivos pessoais, de acordo com nota oficial do Ultimate, Megan Anderson, que seria sua oponente, foi forçada a se retirar do evento em questão. Desta forma, a brasileira agora disputará o cinturão peso-pena feminino do Ultimate contra Tonya Evinger.

Atualmente com 36 anos, Evinger coleciona um cartel de 19 vitórias e cinco derrotas no MMA profissional. A americana, que não perde uma luta há seis anos, tinha duelo marcado pelo Invicta FC para o dia 15 de julho, diante de Helena Kolesnyk. Todavia, em nota oficial, o Invicta declarou que a atleta foi liberada de seu contrato e que Kolesnyk deverá receber uma nova oponente para o evento.

Cris Cyborg terá Tonya Evinger pela frente no card do UFC 214, no dia 29 de julho (Foto Getty Images)
Cris Cyborg terá Tonya Evinger pela frente no card principal do UFC 214, no dia 29 de julho (Foto Getty Images)

Em entrevista ao site oficial do Ultimate, Tonya Evinger falou de seus planos em subir para a categoria peso-pena e, além de comentar sobre o duelo com Cyborg, fez uma análise do seu estilo de luta.

“Isso é algo que eu pensei em fazer (subir para a divisão dos penas) para ter mais competição. Eu já disse que desceria para o peso-mosca, mas a oportunidade era para subir para os penas, então eu estou pronta para derrotar algumas pesos-penas. Acho que o meu estilo casa melhor com o dela (Cris Cyborg) do que as outras oponentes. Meu estilo é realmente imprevisível. Sou dura e você nunca me verá em uma luta na qual minha adversária realmente vai acabar comigo. Acho que sou um casamento perfeito. Eu levo as pessoas para onde elas não querem ir e eu faço da luta uma luta dura para elas. Eu não luto a luta das outras pessoas. É um estado mental. Sou uma wrestler e sei que é um estado mental. Nós somos duras e estou entrando lá para lutar”, disse Evinger.

Sem perder uma luta no MMA desde 2005 e com um incrível cartel de 17 triunfos e somente um revés, Cris Cyborg não luta desde setembro do ano passado, quando nocauteou Lina Lansberg por nocaute técnico no segundo round no UFC Brasília.

CARD PROVISÓRIO:

UFC 214
Sábado, 29 de julho de 2017
Anaheim, nos Estados Unidos (EUA)

Daniel Cormier x Jon Jones
Cris Cyborg x Tonya Evinger
Renan Barão x Aljamain Sterling
Jimi Manuwa x Volkan Oezdemir
Ricardo Lamas x Jason Knight
Andre Fili x Adversário a ser definido
Sage Northcutt x John Makdessi
Kailin Curran x Aleksandra Albu
Josh Burkman x Drew Dober
Jarred Brooks x Eric Shelton
Dmitri Smoliakov x Adam Wieczorec
Brian Ortega x Renato Moicano

 

6 comentários

Deixe uma resposta