MMA UFC

Após defecar em luta, Kish revela proposta inusitada: ‘Me ofereceram US$ 15 mil pelo short sujo’; confira

Derrotada por Felice Herrig na decisão unânime dos jurados no card do UFC Fight Night 112, realizado no último dia 25 de junho, Justine Kish, apesar do revés, foi a figura principal da luta por ter defecado no octógono ao tentar escapar de um mata-leão aplicado por Herrig. Pouco mais de uma semana depois do inusitado episódio, a lutadora revelou alguns casos que lhe ocorreram desde então.

Justine Kish
Kish revelou ter recebido proposta pelo seu short sujo durante luta no Ultimate (Foto: Reprodução)

Além de revelar que o presidente do Ultimate, Dana White, lhe prometeu um pequeno bônus por sua atuação no confronto contra Felice Herrig, Kish disse, em entrevista ao programa “Submission Radio”, que recebeu proposta de um fã por seu short sujo no combate.

“A oferta mais lucrativa que eu tive foi de alguém que me mandou uma mensagem dizendo: ‘Ei, nós adoraríamos pagar por isso’, porque eu não recebi o bônus. Diria que eu voltei com metade do que gostaria de ter ganho, então o mais lucrativo foi: ‘Eu gostaria de comprar seu short para a minha coleção’. Fiquei pensando em como aquilo era nojento. Existem pessoas realmente nojentas por aí e me ofereceram 15 mil dólares pelo meu short”, relatou Justine, que logo depois, explicou que a proposta recebida foi de um “colecionador” que adquire peças de alguns lutadores.

“Um cara queria meu short para a sua coleção. Ele tem uma espécie de ‘santuário’ do UFC. Me deu o nome, e-mail e tudo isso, mas realmente, não quero dar muitos detalhes. A oferta foi mesmo lucrativa, mas eu não vou, quer dizer, por qual motivo? As pessoas dizem para eu mandar, só que vou dar minhas informações para ele e depois? Não vejo como isso possa ser realmente a sério”, encerrou.

Deixe uma resposta