Cormier acha ‘improvável’ nova luta com Jones e mira em recuperar cinturão: ‘Sou um campeão orgulhoso’

por: TATAME | @tatameofficial
Publicado em 30/08/2017
Cormier acha ‘improvável’ nova luta com Jones e mira em recuperar cinturão: ‘Sou um campeão orgulhoso’ Daniel Cormier não acredita que lutará mais com Jon Jones (Foto: Getty Images)

publicidade

No UFC 214, realizado há um mês, Jon Jones superou o então campeão dos meio-pesados Daniel Cormier e recuperou o cinturão da organização com um belo nocaute. Logo após a derrota, “DC” revelou que pensava em uma terceira luta com “Bones”, mas não imediatamente. No entanto, após a divulgação do doping de Jones e a possível punição de até quatro anos que pode ser imposta pela USADA, o lutador AKA, em entrevista ao MMA Fighting, acha improvável uma nova luta entre eles.

“O triste é que eu realmente queria lutar contra ele novamente. Eu, simplesmente, não sei se haverá tempo. Porque no final deste processo, se houver uma suspensão, ficarei sem tempo, porque sempre disse que não vou lutar aos 40 anos (atualmente DC tem 38). Se isso for verdade (doping de Jones), como provavelmente é – porque a USADA é uma organização muito séria e eles não teriam dito nada se eles apenas tivessem dúvida – então, provavelmente vou perder tempo e a última vez que lutamos foi no UFC 214. Essa é a verdade”, desabafou Cormier, afirmando que, se for comprovado o doping de Jones, deseja o cinturão meio-pesado da organização de volta.

25

Daniel Cormier não acredita que lutará mais com Jon Jones (Foto Getty Images / UFC)

“Desta vez, ele pegou o cinturão por causa do que aconteceu. Como concorrente, eu sei que lutamos. Mas se ele não estava lutando de forma limpa, então, como isso é justo para mim? Então, se eu continuo dizendo ‘se’, porque novamente, Jon tem direito a contraprova e, se for comprovado que ele estava sujo, então não teríamos lutado de qualquer maneira. Desta forma, eu ainda teria o meu título. Sim (se isso acontecer), vou pegar o cinturão e serei um campeão orgulhoso, tal como era antes, porque vou mostrar às pessoas o que o cinturão significa. Agora, se ele voltar, não estiver sujo, então, volto para trabalhar para obter o cinturão e para que eu possa encontrar uma maneira de lutar contra ele novamente, e se tudo der certo reconquistar o título”, projetou Daniel Cormier.

Ainda sobre o imbróglio quanto a recuperar o título ou não, dependo do resultado da contraprova, Cormier disse que irá esperar para que tudo seja definido, para aí dar o próximo passo na carreira.

“Eu acho que todo esse negócio com Jon provavelmente me dá mais tempo, porque eu vou ter que esperar para ver o que acontece com ele. Quando tudo for finalizado, então eu posso começar a planejar em frente. Eu tive a opção de lutar este ano e desisti. Imagine se eu fizesse uma luta e, depois, ficasse preso nessa situação ainda com o Jones? Essa não é a melhor situação para treinar, então, eu vou esperar”, contou Cormier, afirmando que Jones não precisava usar anabolizantes.

“Sabe o que é triste? Eu realmente acredito que ele nunca precisou fazer algo errado. E você vê muitas pessoas apenas dizendo que ele trapaceou. Eu vi o Sonnen e muita gente e, obviamente, eles não estão na posição em que eu estou em relação a ele e à nossa luta. Porém, ele realmente não precisava fazer nada disso”, encerrou Daniel sobre a necessidade de ganho muscular de Jon.

Veja também

publicidade

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade