Após confusão, Werdum diz que falava em ‘tom baixo’, e Ferguson dispara: ‘Não gosto dele’; assista

    Ferguson e Fabrício Werdum trocaram farpas e o clima esquentou durante almoço com jornalistas (Foto reprodução)

    Na última quinta-feira (28), dois importantes nomes do UFC 216, que será realizado em Las Vegas (EUA), no próximo dia 7, se desentenderam. Fabrício Werdum e Tony Ferguson discutiram durante um almoço com jornalistas, para ajudar na promoção do evento. Enquanto o americano respondia uma pergunta, o brasileiro conversa com um outro repórter, o que acabou irritando “El Cucuy”, dando início à grande confusão.

    Imediatamente, o lutador peso-leve do UFC mandou Werdum “calar a boca”. “Vai Cavalo” rebateu com xingamentos, ao ponto de abandonar o compromisso com a imprensa. Depois, em entrevista ao site MMA Fighting, o ex-campeão dos pesados comentou o ocorrido.

    “O cara me disse para calar a boca, cara. Nós dois estávamos sentados lá para conversar com alguns meios de comunicação. Alguém estava perguntando algo a ele, mas eu fui conversar com outro repórter, falando muito baixo, já que estávamos perto um do outro. Ele se virou para mim e disse ‘feche sua boca, porque estou falando’. Eu disse ‘vai se fu*** e cale a boca você! Não fale assim comigo, não. Vai falar assim com a sua divisão. Você não vai falar assim comigo’. Ele me disse para calar a boca do nada, cara”, afirmou.

    Em resposta, também ao MMA Fighting, Ferguson disse que havia pedido à organização do UFC para não o colocar próximo de Werdum. O peso-leve revelou que não gosta do ex-campeão dos pesados, alegando que o brasileiro trata-se de uma pessoa falsa.

    “Eu, simplesmente, não gosto do cara (Werdum). Eu não gosto de pessoas falsas. Posso ler as pessoas. Como eu disse, sou um bom juiz de caráter. Eu disse a todos, eu estava tipo: ‘Não o coloque perto de mim’. Não me coloquem perto de um cara como ele. Não gosto dessa merda”, disparou o americano, que faz a luta principal do evento em Las Vegas.

    Vale lembrar que Tony Ferguson vai disputar o cinturão interino dos leves do Ultimate contra Kevin Lee no UFC 216, enquanto Fabrício Werdum encara Derrick Lewis, em batalha nos pesos-pesados, e Demetrious Johnson defende seu título no co-main event.

    Confira a confusão abaixo:

    10 COMENTÁRIOS

    1. Nada melhor que tirar a limpa na porrada. Não sei se estou enganado, mas esses lutadorzinhos
      americanos gostam de desrespeitar o Werdum. Esses tempos atrás foi Lukhold, agora tem esse
      babaca do Ferguson, teve até o JJones. O Werdum tem que começa a distribuir porrada, esses
      caras estão faltando respeito. Mas, Werdum não seja igual o Wand, que só fala, disseram que
      era um cachorro loco, machado assassino, e agora quer sair na mão com qualquer um, menos o
      crocop que já prometeu que onde encontra ele vai quebra os dentes do Wand. Werdum, não tenha
      medo de ser feliz, desce a mão nesses pangarés!!!

    2. Sou contra briga, gosto de luta. Mas nesse caso, Werdum ti há que dar uma enquadrada nesse otario mesmo….que maluco folgado!

    3. Ferguson quis fazer grau e Werdum fez ele baixar a bolinha dele. Lee vai dar uma coça nele, senão o Khabib manda ele pro necrotério.

    4. Fez certo Werdum! Não se bate em mulherzinha o cara sabe que o Werdum não pode bater nele e usa isso como defesa própria… Aí fica provocando o Werdum para ele perder a linha e ser punido de alguma forma por agressão pelo UFC! Tony Ferguson Falso, covarde, Idiota e como diz o vai cavalo pau cu é vc!!!!

    5. ELE FOI AUTENTICO PELO MENOS.. WERDUM É UM FANFARRAO E FALSO E ESCROTO.. MALOQUEIRO.. APANHOU QUE NEM CADELA DO CIGANO E CAIU QUE NEM UM SACO DE BOSTA NA MAO DO MIOCIC…
      SE O CARA NAO QUERIA SENTAR PERTO DELE, PELO MENOS ELE FOI AUTENTICO E NAO UMA MARIA DUAS CARAS QUE NEM O WERDUM

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome