Bi do ADCC, Yuri Simões celebra ouro em nova categoria: ‘É ainda mais difícil se manter como campeão’

Campeão no ADCC 2015, onde conquistou o título na categoria até 88kg, Yuri Simões resolveu subir de divisão para lutar o ADCC 2017, que foi realizado no último final de semana (23 e 24), em Espoo, na Finlândia. Em grande atuação, o faixa-preta manteve o alto nível entre os lutadores até 99kg e conquistou o bicampeonato do torneio, derrotando o casca-grossa Felipe Preguiça por 2 a 0 nos pontos na grande final. Antes, ele já havia derrotado Roman Dolidze, Mike Perez e Jackson Sousa para chegar até a decisão.

Depois da competição, através de uma postagem em sua conta no Instagram, Yuri celebrou a conquista de mais um ouro pelo ADCC e falou sobre a sensação de se manter como campeão do considerado maior evento de luta agarrada do mundo.

“Eu já sabia que era difícil se tornar um campeão. Eu não me tornei um campeão durante a noite. O que eu não sabia era o quão mais difícil é se manter como um campeão. Nunca se diminua quando alguém lhe disser que não pode fazer algo. Todo campeão já ouviu isso mais de uma vez e decidiu não desistir. Lute com tudo o que você precisa para tornar seus sonhos realidade, e mesmo se você tiver que atravessar o inferno para que isso aconteça, faça isso! Porque, no final, será muito gratificante”, escreveu o bicampeão do ADCC.

Confira a postagem de Yuri Simões: 

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente
Seu nome