Cofundador da ATT condena ataques de Colby a Woodley: ‘Eu odeio o que ele diz’

    Colby negou que tenha iniciado a confusão com Werdum em Sydney, na Austrália (Foto Getty Images / UFC)

    Dan Lambert, proprietário e cofundador da American Top Team, uma das principais equipes de MMA do mundo, tem enfrentado uma situação desconfortável nos últimos dias. Isto porque Colby Covington, lutador meio-médio do Ultimate e da ATT, vem provocando de forma exagerada Tyron Woodley, atual detentor do título da categoria no UFC, além de proprietário de uma afiliada da American Top Team no Missouri e amigo de Lambert.

    Em entrevista ao site MMA Fighting, Dan Lambert tratou de mostrar seu respeito por Tyron Woodley, além de enfatizar a sua reprovação em relação aos comentários de Covington direcionados ao campeão meio-médio, porém, sem citar o caso envolvendo os brasileiros.

    “Provavelmente, tenho mais respeito por Tyron Woodley do que por qualquer outro lutador que tenha pisado na academia. Sim, eu amo esse cara. Odeio o que ele (Colby Covington) diz sobre Woodley. Como já falei, eu tenho uma tonelada de respeito por ele, mas Colby quer uma disputa pelo título, é para isso que ele está lá. Ele está nesse negócio para tentar obter sua chance de disputar o título. Se ele quiser falar um monte de besteira, porque acha que vai ajudá-lo a ter essa chance, não é minha função dizer se pode ou não fazer isso. Não sou seu pai. Nós o treinamos, é o que fazemos”, disse Lambert, que ainda complementou comentando sobre a conduta de Colby, que fez duras críticas a Demian Maia e pegou pesado nos insultos aos brasileiros e ao país durante o UFC São Paulo.

    “Existem outras maneiras de vender lutas. Se é algo que sinto a necessidade de corrigi-lo ou chutá-lo do UFC ou do meu trabalho? Se eu expulsasse todos da minha equipe que falassem algo estúpido, eu teria seis lutadores na minha academia”, finalizou Lambert.

    5 COMENTÁRIOS

    1. SOU DE UMA ÉPOCA ONDE ACADEMIAS DE ARTES MARCIAIS ERAM LOCAIS DE PRINCÍPIOS COMO: AUTO CONTROLE, CONHECIMENTO DO SEU CORPO, AUTO DEFESA E PRINCIPALMENTE RESPEITO PARA COM O SEU ADVERSÁRIO, HOJE EM DIA VEMOS NA SUA GRANDE MAIORIA ACADEMIAS COM TREINADORES QUE OUTRORA ERAM RESPEITOSAMENTE CHAMADOS DE “MESTRES”, MAS QUE HOJE EM DIA SÓ ESTÃO PREOCUPADOS EM ENSINAR ALGUÉM A SOCAR OUTRO ALGUÉM DE MANEIRA EFICIENTE E NADA MAS, ISSO AO LONGO DO TEMPO PODE SER DETERMINANTE PARA O FIM DOS PRINCÍPIOS QUE NORTEARAM AS ARTES ATE HOJE, POIS HOJE OS REPRESENTANTES DESSAS ARTES INVARIAVELMENTE SÃO OS LUTADORES EM EVIDENCIA NO UFC, ELES SERÃO OS EXEMPLOS A SEREM SEGUIDOS.

      • Grande comentário meu caro Silvio, concordo contigo em gênero e grau; e te digo mais, isso se aplica a toda sociedade em sí. Estamos vivendo tempos difíceis e infelizmente as coisas tendem a piorar. Não vemos que algumas coisas que as vezes vemos como moderno na verdade traz retrocesso.

    2. Esse Colbi idiota quer inventar um novo tipo de MC Gregor , mas esta inventando um monstro que todos estão odiando !!! Ninguem mais quer ver este imbecil em cima do Cage!

    3. O maia nem é striker e já marcou bem a cara dele no confronto, se a luta entre o Tyron acontecer o que eu acho difícil ele será conduzido de maca…

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome