Brasileiros brilham em edição histórica do MMA Experience na Arena do Grêmio; veja como foi

    Dirlei foi o grande nome do evento ao finalizar na luta principal (Foto Filippo Junior / Pfeiffer Fight Assessoria)

    A Arena do Grêmio registrou uma noite histórica para o MMA brasileiro no último sábado (18). Aproximadamente duas mil pessoas estiveram presentes no estádio em Porto Alegre para um show de lutas, mas que também contou entretenimento, ativação de marcas e encontro de personalidades. No cage central, oito lutas levantaram o público presente no estádio que recebe a final da Copa Libertadores da América, de futebol, nesta semana.

    A noite no MMA Experience começou com o show da banda Comunidade Nin-Jitsu, que desfilou seus principais sucessos dentro do cage, com os músicos vestidos com quimonos e levantando a galera presente. Em seguida, o show de MMA tomou conta do palco.

    No card preliminar, os gaúchos Tiago Souza e Paulo Renato Junior, além do paraibano Leonilson Azevedo, não deixaram suas lutas irem para os árbitros e venceram por nocaute ou finalização, dando um aperitivo do que seria a noite. Antes do card principal, a banda Marena embalou o público com um hard rock autoral que foi muito bem recebido.

    Na abertura do card principal, em um combate bastante equilibrado, o goiano Wellington Mourão venceu o gaúcho Jhose Vagno por decisão majoritária. Na sequência, o manauara Jeam do Bronx resistiu à trocação do gaúcho Diovane Katiall no primeiro round e venceu por finalização no segundo round. Na primeira luta feminina do MMA Experience, a gaúcha Iasmim Casser precisou de apenas 53 segundos para finalizar a uruguaia Laurita Ribeiro.

    Lutadores da casa fizeram a festa na Arena do Grêmio, em Porto Alegre (Foto Filippo Junior / Pfeiffer Fight Assessoria)

    Na primeira disputa de cinturão, o gaúcho Giovane Costa travou uma intensa batalha com o uruguaio Paulo Portillo e venceu por decisão unânime, conquistando o cinturão inaugural da categoria peso-galo. Na luta principal, Dirlei Mão de Pedra encarou o argentino Ariel Arce e os dois levantaram o público com muita trocação. No terceiro round, Mão de Pedra conseguiu uma queda e finalizou o argentino, conquistando o cinturão meio-pesado.

    O prefeito em exercício de Porto Alegre, Gustavo Paim, afirmou que o evento já faz parte do calendário da cidade: “Todos os lutadores e o público estão fazendo um espetáculo e o MMA tem em Porto Alegre a sua casa”, disse Paim. O presidente da Arena, Mauro Araújo, garantiu que o estádio gremista vai sediar mais uma edição do MMA Experience em 2018.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome