TATAME #247: os ‘segredos’ do sucesso de Cobrinha, bate-papo com Preguiça e a história de Bia Basílio

Seus cinco títulos mundiais e o tri do ADCC já seriam o suficiente para colocá-lo entre os maiores de todos os tempos. Porém, em 2017, Rubens Charles Cobrinha levou o Jiu-Jitsu para outro nível. Aos 37 anos, o faixa-preta foi o primeiro lutador a conquistar o “Super Grand Slam”, que reúne títulos na mesma temporada do Europeu, Pan, Brasileiro e Mundial (todos da IBJJF), além do ADCC, considerado o maior evento de luta agarrada.

Para tentar descobrir os segredos do seu sucesso, a TATAME conversou com exclusividade com o casca-grossa, que estampa a matéria de capa desta edição. Entre inúmeros temas, Cobrinha contou sobre sua preparação, ciclo de treinos e os diferenciais para um lutador seguir no auge mesmo com “mais idade”, além de suas principais inspirações e muito mais.

Além de Cobrinha, outros destaques do ADCC 2017, realizado na Finlândia, também marcam presença nas páginas da TATAME #247. São os casos de Felipe Preguiça, campeão absoluto e que bateu um papo especial com sobre a sua conquista, e Bia Basílio, um dos grandes nomes da nova geração do Jiu-Jitsu feminino e personagem do Perfil.

Ainda nas páginas desta edição, você encontra uma entrevista com o faixa-preta Luiz Paulo, grande nome do esporte em Niterói (RJ), um super artigo de preparação física com Ben Saunders, lutador do UFC, as novidades do Clube TATAME, artigo Jiu-Jitsu e mais.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Comente
Seu nome