Dana projeta Francis Ngannou como ‘estrela’ e garante title shot contra Miocic: ‘Quero ver essa luta’

Publicado em 03/12/2017 por: Mateus Machado
Dana projeta Francis Ngannou como ‘estrela’ e garante title shot contra Miocic: ‘Quero ver essa luta’ Ngannou garantiu que está disponível para voltar a lutar e desafiou Lewis (Foto Getty Images / UFC)

publicidade

Francis Ngannou provou, no último sábado (2), pelo UFC 218, que vive a melhor fase de sua carreira. Fazendo o co-main event da edição, o camaronês radicado na França não deu chances para o experiente Alistair Overeem, nocauteando o holandês de maneira impressionante, ainda no primeiro round. Ngannou não perde um duelo desde 2013, e desde então emplacou dez vitórias, sendo seis pelo Ultimate.

Com uma série de quatro triunfos ainda no primeiro round, Francis ganhou ainda mais moral após a vitória sobre Overeem, primeiro colocado no ranking peso-pesado. Os elogios vieram até de Dana White, presidente do Ultimate, que projetou o lutador como uma “estrela” e garantiu que Ngannou lutará pelo título em sua próxima apresentação.

“Ele vai ter uma luta pelo título, foi incrível esta noite… Este foi o nocaute mais impressionante que vocês vão ver na divisão dos pesados. Quando você olha para o Francis, você vê o próximo campeão mundial dos pesados. O cara é um monstro e ele continua a melhorar. Ngannou é praticamente o meu colega de quarto, já que está ‘morando’ em nosso escritório, então não poderia ter acontecido em uma hora melhor. Essa performance foi muito impressionante. Eu sempre acreditei nele, desde quando nos conhecemos. Tivemos dificuldade para encontrar um adversário para ele, mas se o mantivermos ativo, vocês vão ver um rock star”, enalteceu o “Big Boss”, que ainda declarou que pretende ver Ngannou em ação contra Stipe Miocic, em julho do ano que vem.

“Quero ver essa luta pelo cinturão antes da Semana Internacional da Luta, em julho. O Ngannou é um cara muito especial, tem um ótimo condicionamento e um poder incrível de nocaute”, finalizou.

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC 218
Sábado, 02 de dezembro de 2017
Detroit, nos Estados Unidos

Card principal

Max Holloway derrotou José Aldo por nocaute técnico no 3R
Francis Ngannou derrotou Alistair Overeem por nocaute no 1R
Henry Cejudo derrotou Sergio Pettis por decisão unânime dos jurados
Eddie Alvarez derrotou Justin Gaethje por nocaute técnico no 3R
Tecia Torres derrotou Michelle Waterson por decisão unânime dos jurados

Card preliminar

Paul Felder derrotou Charles do Bronx por nocaute técnico no 2R
Yancy Medeiros derrotou Alex Cowboy por nocaute técnico no 3R
David Teymur derrotou Drakkar Klose por decisão unânime dos jurados
Felice Herrig derrotou Cortney Casey por decisão dividida dos jurados
Amanda Cooper derrotou Angela Magaña por nocaute técnico no 2R
Abdul Razak Alhassan derrotou Sabah Homasi por nocaute técnico no 1R
Dominick Reyes finalizou Jeremy Kimball com um mata-leão no 1R
Justin Willis derrotou Allen Crowder por nocaute no 1R

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade