Multicampeã de Muay Thai realiza, em fevereiro, o primeiro seminário exclusivo para mulheres; inscrições

    Tainã Ursa é multicampeã no Muay Thai e tem vasta experiência internacional no esporte (Foto Fight Night)

    Por Yago Rédua

    No dia 4 de fevereiro, no CT Brasil, localizado na Tijuca, Zona Norte do Rio de Janeiro, será realizado o primeiro seminário de Muay Thai exclusivo para as mulheres. Tainã Ursa, responsável por ministrar a aula prática, possui uma vasta experiência na modalidade, com 25 lutas no cartel, títulos internacionais e intercâmbio na Tailândia. Em conversa com à TATAME, a multicampeã comentou a expectativa do evento e agradeceu a oportunidade.

    “Já tenho um tempo que eu vejo a possibilidade de fazer seminários no Rio de Janeiro. Eu nunca fui para o Rio, é a primeira vez, apesar de ser tão perto. Estou vendo como uma oportunidade muito legal de ver como é o Muay Thai do Rio de Janeiro, o nível da galera e poder passar esse dia bem de troca de conhecimento, porque eu não vou só ensinar, vou aprender também, com certeza. Vai ser um prazer enorme. Gostaria de agradecer à Federação Nacional de Muay Thai do Rio de Janeiro pelo convite para alavancar a modalidade e à TATAME”, contou Tainã, que detalhou um pouco da experiência internacional na Tailândia.

    “Eu sai para a Tailândia em busca do Muay Thai na fonte. Fui para Filipinas e França, por consequência de ir para lutar mesmo. O que eu pretendo passar é a minha vivência e a minha técnica, o que eu aprendi lá. Por mais que hoje em dia a gente tente aproximar ao máximo de como é feito lá, nós ainda temos muitos vícios que vêm de outras artes marciais. Houve muita confusão, há muito tempo atrás, quando o esporte chegou aqui no Brasil. Então, eu pretendo passar um pouco, do mais próximo do que aprendemos lá, para deixar a galera bem agitadinha e ciente de todos os diferenciais dos esportes”, projetou.

    Faça sua inscrição no seminário, aqui

    Sobre a questão de ministrar um seminário voltado para o público feminino, Tainã apontou para mais uma barreira que se quebra, em relação à mulher dentro da luta. A lutadora disse que é importante para as mulheres se sentirem cada vez mais representadas.

    “Um seminário totalmente feminino, cai por terra, de tudo isso que vem caindo há um bom tempo. Toda essa coisa de que é ‘esporte masculino’, ‘mulher é sexo frágil’ e isso não tem nada a ver. A mulherada é sexo forte, ao contrário de tudo que falam aí (risos). De sensível, nós não temos nada. Para conseguir lutar, treinar em um esporte que é agressivo, não tem como ser sensível. Eu vejo que é a demonstração da força feminina de poder ter essa oportunidade. Conseguir colocar um seminário com várias meninas é gratificante. Não só porque eu estarei na frente disso, mas se eu fosse participar de qualquer outro seminário feminino, eu me sentiria muito bem representada”, encerrou.

    SERVIÇO: 

    Técnicas de Muay Thai para mulheres

    Número de vagas: 40 vagas
    Data/hora: 4 de fevereiro, às 10h (de Brasília)
    Local:
    Rua São Francisco Xavier 178, Tijuca – RJ – CT BRASIL
    Valor: R$ 80,00
    Formas de pagamento: cartão de crédito ou depósito em conta
    Dados bancários: Santander, AG 4350 – CC 13000574-2

    *** Enviar o comprovante para tatameshop@tatame.com.br

    1 COMENTÁRIO

    1. Seminário exclusivo para mulheres -> empoderamento
      Seminário exclusivo para homens -> machismo

      Isso pode, Arnaldo?

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome