Anderson cita ‘suplemento contaminado’ e projeta: ‘Voltar e lutar com Roy Jones’

    Anderson mostrou 'otimismo' ao falar sobre momento da carreira e projeta retorno (Foto Getty Images / UFC)

    Ainda sem data para sua audiência na USADA (Agência de Antidoping dos EUA), Anderson Silva segue afirmando inocência quanto ao teste positivo diagnosticado em novembro de 2017. O ex-campeão do Ultimate contou, em entrevista ao TMZ, que “talvez” tenha ingerido um “suplemento contaminado” e criticou as regras de doping do órgão fiscalizador.

    “Talvez os suplementos que eu estava usando estivessem contaminados. Não sei, estou só esperando. Se eu tomasse esteroides, seria estúpido. Eu sou velho, não estou começando minha carreira. É difícil. As regras não são frágeis, mudam toda hora”, disse Anderson, afirmando ainda que não vai se aposentar, mesmo aos 42 anos idade, e que espera um dia realizar o sonho de lutar com Roy Jones Jr, desejo já relevado por ele diversas vezes.

    “Estou só esperando pela USADA e pelos meus advogados. Espero poder voltar logo para lutar com o Roy Jones Jr. Esse é o meu sonho, e eu espero que ele se realize”, encerrou.

    Com 49 anos, Jones é um dos astros do Boxe. “Spider” não esconde sua idolatria pelo pugilista e o confronto entre os dois é especulado há alguns anos. Porém, voltou a ganhar força após o confronto entre Floyd Mayweather e Conor McGregor, em agosto de 2017.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome