Stephens nocauteia Emmett de forma brutal no UFC Orlando; Bate-Estaca vence Tecia Torres

    Realizado no último sábado (24), em Orlando, na Flórida (EUA), o UFC on Fox 28 teve bons combates realizados em seu card. Na luta principal, melhor para o experiente Jeremy Stephens, que nocauteou Josh Emmett de maneira brutal no segundo round. No co-main event, grande vitória para a brasileira Jessica Bate-Estaca, que derrotou a americana Tecia Torres na decisão unânime dos jurados e volta a se aproximar de uma futura disputa de cinturão na divisão peso-palha feminino.

    Ainda pelo card principal, outras duas lutas foram realizadas. No primeiro combate, o azarão Max Griffin teve boa atuação e derrotou Mike Perry na decisão unânime dos jurados, em luta válida pelos meio-médios. Já o sueco Ilir Latifi definiu sua luta ainda no primeiro assalto, ao finalizar Ovince St-Preux com uma justa guilhotina.

    No card preliminar, dois brasileiros estiveram em ação. Na terceira luta do evento, Rani Yahya teve atuação dominante sobre Russell Doane e venceu o americano com um katagatame no terceiro assalto. Fazendo o último duelo do card preliminar, Renan Barão foi derrotado por Brian Kelleher na decisão unânime dos jurados e amargou seu quinto revés nas últimas sete lutas.

    Stephens nocauteia Emmett de maneira brutal

    Após um breve momento de estudo entre os dois lutadores logo no começo, o combate foi para a trocação, e apesar do equilíbrio, Josh Emmett mostrava uma leve vantagem sobre Jeremy Stephens nos golpes aplicados. Nos últimos momentos do primeiro assalto, Emmett aplicou um knockdown sobre Stephens, levando-o ao chão. No segundo round, Jeremy revertou a situação de maneira incrível. Com golpes brutais na trocação, o americano derrubou seu oponente e definiu sua vitória com mais uma sequência avassaladora de socos, “apagando” Josh. Foi a terceira vitória consecutiva de Stephens, que se aproxima dos top’s da categoria peso-pena.

    Jeremy Stephens reverteu a situação e nocauteou Emmett no segundo assalto (Foto: Getty Images)
    Jeremy Stephens reverteu a situação e nocauteou Josh Emmett no segundo assalto (Foto: Getty Images)

    Bate-Estaca derrota Tecia Torres e faz história

    O duelo entre Jessica Bate-Estaca e Tecia Torres começou movimentado e na trocação. Com boas combinações, a americana começou melhor, aplicando golpes que acertaram em cheio a brasileira. O combate ficou na trocação franca, com Torres sendo superior. Nos últimos segundos, Jessica aplicou uma boa queda, mas saiu em desvantagem. No segundo assalto, Bate-Estaca caçou sua adversária buscando a queda, mas não encontrou facilidade, já que Tecia mostrava muita força, mesmo estando por baixo. A brasileira, apesar de não mostrar muita efetividade, levou a melhor na segunda parcial.

    No terceiro e último round, fazendo valer sua superioridade física, Jessica Bate-Estaca voltou a apostar nas quedas. Com essa estratégia traçada, a brasileira cresceu na luta, e lutando por cima, aplicou importantes golpes no ground and pound. Melhor em dois assaltos, Jessica saiu vencedora na decisão unânime dos jurados e se tornou a lutadora com maior número de triunfos na história do Ultimate.

    Jessica Bate-Estaca aplicou diversas quedas e derrotou Tecia Torres na decisão unânime (Foto: Getty Images)
    Jessica Bate-Estaca aplicou diversas quedas e derrotou Tecia Torres na decisão unânime (Foto: Getty Images)

    Latifi ‘apaga’ St-Preux e conquista importante vitória

    Em uma das lutas mais aguardadas do card principal, Ilir Latifi deu um verdadeiro show sobre Ovince St-Preux. Ainda no primeiro round, o sueco mostrou explosão e, após conectar um belo knockdown, aproveitou a brecha dada pelo adversário e finalizou St-Preux com uma bela guilhotina aplicada em pé. Foi a segunda vitória consecutiva de Latifi no Ultimate.

    Ilir Latifi não deu chances e 'apagou' Ovince St-Preux com uma guilhotina ainda no primeiro round (Foto: Getty Images)
    Latifi não deu chances e ‘apagou’ St-Preux com uma guilhotina ainda no primeiro round (Foto: Getty Images)

    Kelleher domina e vence Renan Barão

    Como esperado, o duelo entre Renan Barão e Brian Kelleher começou de forma equilibrada na trocação. O brasileiro buscava explorar mais os chutes, enquanto o americano tentava encurtar a distância. Na reta final do primeiro round, Brian levou vantagem e acertou um bom golpe sobre Renan. No segundo assalto, o duelo seguiu na trocação franca. Kelleher continuou tendo uma estratégia mais ofensiva em relação ao adversário, e apesar de não ter muita efetividade, seguiu com vantagem sobre Barão.

    No terceiro e último round, ciente da desvantagem, Renan Barão passou a agir de maneira mais explosiva, no entanto, Brian Kelleher se defendeu bem e, quando teve a oportunidade, conectou golpes precisos sobre seu oponente. Ao fim de três rounds, melhor para o americano, que saiu vencedor por decisão unânime dos jurados.

    Em seu retorno aos galos, Renan Barão foi derrotado por Brian Kelleher na decisão unânime (Foto: Getty Images)
    Em seu retorno aos galos, Barão foi derrotado por Brian Kelleher na decisão unânime (Foto: Getty Images)

    Sam Alvey nocauteia Prachnio ainda no primeiro round

    Também pelo card preliminar, Sam Alvey protagonizou uma bela vitória. Com uma boa atuação na luta em pé, o carismático lutador, conhecido por seu bom humor, conectou dois potentes golpes de direita sobre Marcin Prachnio e nocauteou seu oponente ainda no primeiro round, recuperando-se do revés para Ramazan Emeev na última luta.

    Sam Alvey conectou dois golpes fortes em sequência e nocauteou seu oponente no primeiro round (Foto: Getty Images)
    Alvey conectou dois golpes em sequência e nocauteou seu oponente no primeiro round (Foto: Getty Images)

    Com atuação dominante, Yahya finaliza Doane

    Logo nos primeiros segundos da luta, com muita técnica, Rani Yahya aplicou uma boa queda sobre Russell Doane. Dominante na posição, o brasileiro logo passou a guarda com facilidade e, em uma situação “incomum”, incomodou bastante seu adversário ao pressionar a cervical. No segundo round, o brasiliense levou a luta para o solo novamente e, sem dificuldades, grudou nas costas de Doane. A partir disso, Rani passou a desferir alguns golpes, em busca de brechas para a finalização, mas apesar do grande domínio, não obteve êxito para definir o combate.

    No terceiro e último assalto, assim como nos dois rounds anteriores, Rani Yahya voltou a ter domínio no chão. E foi assim que o brasileiro definiu a luta. Por cima, o brasileiro teve calma para controlar a posição e, quando teve a oportunidade, finalizou Russell Doane com um belo katagatame, conquistando sua segunda vitória consecutiva.

    Com grande domínio, Rani Yahya finalizou Russell Doane no terceiro round (Foto: Getty Images)
    Com grande domínio no chão, Rani Yahya finalizou Russell Doane no terceiro round (Foto: Getty Images)

    RESULTADOS COMPLETOS:

    UFC on Fox 28
    Sábado, 24 de fevereiro de 2018
    Orlando, na Flórida (EUA)

    Card principal

    Jeremy Stephens derrotou Josh Emmett por nocaute técnico no 2R
    Jéssica Bate-Estaca derrotou Tecia Torres por decisão unânime dos jurados
    Ilir Latifi finalizou Ovince St-Preux com uma guilhotina no 1R
    Max Griffin derrotou Mike Perry por decisão unânime dos jurados

    Card preliminar

    Brian Kelleher derrotou Renan Barão por decisão unânime dos jurados
    Marion Reneau finalizou Sara McMann com um triângulo no 2R
    Angela Hill derrotou Maryna Moroz por decisão unânime dos jurados
    Alan Jouban derrotou Ben Saunders por nocaute no 2R
    Sam Alvey derrotou Marcin Prachnio por nocaute no 1R
    Rani Yahya finalizou Russell Doane com um katagatame no 3R
    Alex Perez derrotou Eric Shelton por decisão unânime dos jurados
    Manny Bermudez finalizou Albert Morales com uma guilhotina no 2R

    1 COMENTÁRIO

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome