UFC confirma primeira edição no Chile e divulga cinco lutas, com dois brasileiros

Publicado em 27/02/2018 por: Diogo Santarém
UFC confirma primeira edição no Chile e divulga cinco lutas, com dois brasileiros

publicidade

A tão aguardada estreia UFC no Chile já tem data marcada. No dia 19 de maio, o octógono mais famoso do mundo desembarca em terras chilenas na Arena Movistar, em Santiago, com um card repleto de estrelas e atletas locais, como o peso-galo Diego Rivas. Esse será também o primeiro evento da organização na América do Sul realizado fora do Brasil.

Para marcar a chegada do UFC a Santiago, a organização inicia nesta quarta-feira, dia 28, o “Tour das Letras” pela capital chilena. Nos próximos dois meses, as letras gigantes do UFC estarão expostas por pontos turísticos da cidade para esquentar o clima entre os fãs e garantir ótimas fotos. Eles também podem esperar uma agenda cheia durante a semana de luta em maio, com a participação de atletas-convidados do UFC e muitas outras atividades.

A estreia do UFC no Chile já conta com cinco lutas confirmadas que prometem empolgar os fãs. Pelo peso-galo, dois participantes do The Ultimate Fighter: América Latina de 2016 se reencontram buscando retomar o caminho da vitória. Em casa, Diego Rivas, dono de um cartel com sete vitórias e uma derrota, enfrenta o argentino Guido Cannetti, que soma sete triunfos e três reveses. Ambos vêm de um resultado negativo e querem se recuperar.

No dia 19 de maio, também ficarão frente a frente duas promessas do peso meio-médio. Vindo de uma vitória por finalização em outubro, o brasileiro Vicente Luque encara o canadense Chad Laprise, que vem embalado por uma série de três vitórias. Luque vinha de quatro vitórias consecutivas, duas delas por finalização e duas por nocaute, até ser derrotado por Leon Edwards por decisão unânime. Ele conseguiu se recuperar vencendo Niko Price por finalização em outubro do ano passado. Do outro lado, estará o campeão do TUF Fighter Nations: Canadá x Austrália. Laprise vem de três nocautes, o mais recente sobre Galore Bofando em dezembro e, assim como Luque, espera ingressar no Top 15.

As mulheres também marcarão presença na Arena Movistar. A décima no ranking peso-palha Alexa Grasso (10-1) enfrenta a nº 15 Tatiana Suarez (6-0). Após uma vitória sobre Randa Markos em agosto, Grasso espera emplacar uma sequência positiva na divisão, enquanto a campeã do The Ultimate Fighter 23 deseja manter sua invencibilidade no MMA.

Poliana fez sua estreia no Ultimate com vitória e quer aumentar a boa fase (Foto Getty Images / UFC)

Pela recém-criada divisão peso-mosca, a venezuelana Veronica Macedo (5-1-1) encara a estreante Andrea Lee (8-2), que vem de uma sequência de quatro vitórias. Uma das atletas mais jovens do UFC com apenas 22 anos, Macedo começou sua carreira profissional no MMA em 2016, ano em que também fez sua estreia na organização. Em sua segunda luta, Veronica dará as boas-vindas a Andrea Lee. A KGB é uma das promessas da nova divisão e chega embalada por quatro vitórias – duas por finalização e uma por nocaute.

Fechando as lutas confirmadas até o momento para o UFC Chile, a brasileira Poliana Botelho (5-1) mede forças contra a japonesa Syuri Kondo (6-0). Botelho e Kondo vivem momentos parecidos na organização. As duas fizeram suas estreias no Ultimate no ano passado com vitórias por decisão e têm o mesmo objetivo: se firmar na divisão peso-palha.

Mais informações sobre a abertura de vendas para o UFC Chile, o card completo do evento, entre outras, estarão disponíveis em breve no site do UFC: http://www.ufc.com.br/.

CARD PROVISÓRIO:

UFC Fight Night 129
Arena Movistar, em Santiago (CHI)
Sábado, 19 de maio de 2018

Diego Rivas x Guido Cannetti
Vicente Luque x Chad Laprise
Alexa Grasso x Tatiana Suarez
Veronica Macedo x Andrea Lee
Poliana Botelho x Syuri Kondo

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade