Davi Ramos derrota Edwin Najmi e conquista cinturão no ACB JJ 11; saiba

    Campeão nos 75kg, Davi Ramos defenderá título contra Lucas Lepri (Foto: Divulgação/ACB JJ)

    Neste sábado (3), o ACB JJ chegou à Barcelona, na Espanha, para a realização da edição de número 11. No main event, após uma batalha de cinco rounds, Davi Ramos superou Edwin Najmi e se tornou campeão da divisão até 75kg, com quimono. Na segunda luta mais importante do evento, Isaque Bahiense estreou com vitória na franquia ao derrotar Otávio Sousa, em um duelo animado.

    Davi Ramos conquista cinturão

    No duelo mais esperado da 11ª edição do Berkut, Davi e Edwin fizeram um combate extremamente disputado durante os cinco rounds. Os lutadores iniciaram o confronto com estudo, mas aos poucos foram soltando os seus respectivos jogos. No terceiro assalto, o brasileiro chegou a encaixar um armlock, mas não conseguiu finalizar. Já no quarto round, foi a vez do americano ser aproximar de uma finalização. No fim, por decisão unânime, “Tazmania” garantiu a vitória e, de quebra, o cinturão da categoria.

    Bahiense estreia com vitória no ACB JJ

    No co-main event, Isaque Bahiense, que vive um excelente momento neste começo de 2018, estreou com o pé direito no Berkut. O lutador da Alliance conseguiu impor suas ações ofensivas. Otavio Sousa, que perdeu no ACB JJ 10 para Leandro Lo, tentou responder e fez uma batalha acirrada. Contudo, ao fim dos 15 minutos, o carioca levou a melhor.

    Isaque Bahiense estreou com o pé direito no ACB JJ, ao vencer Otávio Sousa (Foto: Reprodução)

    Calasans se recupera e Langhi vence

    Com seu jogo explosivo e técnico, Cláudio Calasans se recuperou da derrota sofrida em São Paulo, para Patrick Gaudio. O faixa-preta impôs o seu ritmo e venceu Yan Cabral. Michael Langhi e Márcio André fizeram uma batalha de três rounds, com um nível técnico muito alto. Os dois lutadores se doaram ao máximo, em busca da vitória. Por decisão dividida dos árbitros, o triunfo foi dado para o faixa-preta da Alliance. Marcinho registra a segunda derrota seguida na organização.

    Rudson brilha e tem finalização rápida

    Bruno Frazatto e Gabriel Marangoni fizeram uma luta agitada na categoria até 65kg. No entanto, na decisão dos árbitros, a vitória foi para o faixa-preta da Atos. Lucas Rocha também venceu na decisão dos jurados e chegou a segunda vitória na divisão até 75kg. A vítima da vez foi Alex Cabanes. Já Rudson Mateus mostrou, mais uma vez, que vive uma fase excepcional e finalizou Mathias Ribeiro com uma chave de braço, com menos de um minuto de embate. Na edição de número 10, o lutador da Caio Terra venceu o veterano Bráulio Estima.

    Honório supera Erberth e outros destaques

    Em confronto na categoria acima dos 95kg, Victor Honório buscou ser mais ativo no combate, no entanto, Erberth Santos tentava responder. Ao fim dos três assaltos, Honório levou a melhor por decisão dividida. Já Luan Carvalho teve uma ótima exibição, ao comandar a luta e finalizar Daud Adaev, com uma chave de pé no terceiro round. Com belas quedas que coroaram uma excelente performance, AJ Sousa venceu Arnaldo Maidana, após três rounds. Moku Kahawai mostrou muita estratégia para superar o jogo do experiente Vinny Magalhães e levou a melhor na decisão dividida.

    Victório Honório superou Erberth Santos, na decisão dos árbitros (Foto: Reprodução)

    Em uma disputada equilibrada, Isaac Doederlein foi mais efetivo e venceu Kim Terra por unanimidade, na visão dos árbitros. O casca-grossa Samir Chantre teve uma atuação segura e bateu Laércio Fernandes, após três rounds. Com controle da luta, Tomoyuki Hashimoto superou Mayko Araújo e levou a melhor na decisão dos jurados. Na primeira luta do evento, Marcelo Mafra derrotou Rodrigo Caporal por decisão dos árbitros e se recuperou do revés sofrido em São Paulo, na edição 10, para Luan Carvalho. Caporal, por sua vez, chega a segunda derrota seguida na organização.

    CONFIRA OS RESULTADOS:

    ACB JJ 11
    Barcelona, na Espanha
    Sábado, 3 de março de 2018

    Davi Ramos derrotou Edwin Najmi por decisão unânime dos jurados⠀
    Isaque Bahiense derrotou Otávio Sousa por decisão unânime dos jurados ⠀⠀
    Cláudio Calasans derrotou Yan Cabral por decisão unânime dos árbitros ⠀⠀
    Michael Langhi derrotou Márcio André por decisão dividida dos jurados ⠀⠀
    Bruno Frazatto derrotou Gabriel Marangoni por decisão unânime dos jurados⠀⠀⠀⠀
    Lucas Rocha derrotou Alex Cabanes por decisão unânime dos jurados
    Rudson Mateus finalizou Mathias Ribeiro com uma chave de braço no 1R
    Victor Honório derrotou Erberth Santos por decisão divida dos jurados ⠀⠀
    Luan Carvalho finalizou Daud Adaev com uma chave de pé no 3R ⠀⠀
    AJ Sousa derrotou Arnaldo Maidana por decisão unânime dos jurados⠀⠀
    Moku Kahawai derrotou Vinny Magalhães por decisão dividida dos jurados
    Isaac Doederlein derrotou Kim Terra por decisão unânime dos jurados
    Samir Chantre derrotou Laércio Fernandes por decisão unânime dos jurados ⠀
    Tomoyuki Hashimoto derrotou Mayko Araújo por decisão unânime dos jurados⠀⠀
    Marcelo Mafra derrotou Rodrigo Caporal⠀por decisão unânime dos jurados

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome