Após vitória, Poirier pede disputa de título, enquanto Gaethje visa mais cinco lutas antes de aposentadoria

    Dustin Poirier e Justin Gaethje travaram uma grande batalha no main event do UFC Glendale (Foto Getty Images / UFC)

    Dustin Poirier e Justin Gaethje fizeram a melhor luta do ano até o momento no main event do UFC on FOX 29, realizado no último sábado (14), em Glendale, nos Estados Unidos. Após quatro rounds de uma disputa insana na trocação, Poirier saiu vencedor por nocaute técnico e conquistou seu terceiro triunfo nas últimas quatro lutas, consolidando seu crescimento na divisão peso-leve do Ultimate e posto entre os melhores no ranking.

    Cada vez mais próximo dos top’s da categoria, Dustin sente que seu momento é especial dentro da organização. Desta forma, em coletiva de imprensa após o combate, pediu para que sua próxima luta seja pelo cinturão dos leves, hoje com Khabib Nurmagomedov.

    “Quero lutar pelo ouro, cara. Não quero revanches com Conor (McGregor), nem com Eddie (Alvarez) e nem com ninguém. Esse não é o meu objetivo. Meu objetivo não é ficar quites com esses caras. Meu objetivo é prosperar, ser campeão mundial, fazer dinheiro e me aposentar podendo dizer que eu consegui. Quero deitar com o cinturão na minha cintura e dizer à minha esposa que eu consegui, que eu sou campeão”, afirmou Dustin Poirier

    Gaethje quer mais cinco lutas até aposentadoria

    Ex-campeão do extinto WSOF, Justin Gaethje foi contratado pelo Ultimate e, desde sua estreia, em julho do ano passado, fez três lutas, vencendo Michael Johnson e sendo derrotado por Eddie Alvarez e Dustin Poirier. Apesar de ter apenas 29 anos, Gaethje já protagonizou três guerras dentro do octógono do UFC, isso sem contar suas batalhas pelo WSOF. Possivelmente preocupado com sua integridade no futuro, já que recebe muitos golpes em suas lutas, Gaethje afirmou que planeja atuar mais cinco vezes até se aposentar do MMA, ressaltando que quer combates rentáveis para sua reta final no esporte.

    “Eu tenho mais umas cinco lutas dentro de mim. Antes dessa, eu disse que eram seis. Eu quero as maiores lutas possíveis. Vindo de duas derrotas, isso é difícil de se dizer, mas vocês querem me ver lutar. Se você não me assistir ao vivo, vai se arrepender quando eu tiver terminado. Não será por muito mais tempo, só tenho mais cinco”, disse o americano.

    RESULTADOS COMPLETOS:

    UFC on FOX 29
    Glendale, nos Estados Unidos
    Sábado, 14 de abril de 2018

    Card principal
    Dustin Poirier derrotou Justin Gaethje por nocaute técnico no 4R
    Alex Cowboy finalizou Carlos Condit com uma guilhotina no 2R
    Israel Adesanya derrotou Marvin Vettori por decisão dividida dos jurados
    Michelle Waterson derrotou Cortney Casey por decisão dividida dos jurados

    Card preliminar
    Antônio Cara de Sapato finalizou Tim Boetsch com um mata-leão no 1R
    Muslim Salikhov derrotou Ricky Rainey por nocaute técnico no 2R
    John Moraga derrotou Wilson Reis por decisão unânime dos jurados
    Brad Tavares derrotou Krzysztof Jotko por nocaute técnico no 3R
    Gilbert Durinho derrotou Dan Moret por nocaute no 2R
    Lauren Mueller derrotou Shana Dobson por decisão unânime dos jurados
    Yushin Okami derrotou Dhiego Lima por decisão unânime dos jurados
    Adam Wieczorek finalizou Arjan Bhullar com uma omoplata no 2R
    Alejandro Perez derrotou Matthew Lopez por nocaute técnico no 2R
    Luke Sanders derrotou Patrick Williams por decisão unânime dos jurados

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome