Sem lutas nas finais, faixas-preta Hulk e Tayane levam ouro absoluto no Brasileiro

    Hulk bateu Renato Cardoso na semifinal do absoluto; na decisão, Honório passou mal e não compareceu (Foto IBJJF)

    O Campeonato Brasileiro 2018 da CBJJ chegou ao fim neste domingo (6), com as esperadas disputas no adulto faixa-preta. Ao todo, mais de sete mil atletas passaram pelo ginásio José Corrêa, em Barueri, São Paulo, em oito dias de torneio. As finais do absoluto, porém, acabaram não acontecendo. Tayane Porfírio, ouro no pesadíssimo, e Cláudia do Val, nos pesados, fecharam no feminino com o título ficando para a atleta da Alliance, que finalizou Luzia Santana com um estrangulamento na categoria confirmando o ouro duplo.

    Já no masculino, Victor Honório teve infecção intestinal e febre, o que forçou sua saída da decisão. O próprio lutador relatou o problema nas redes sociais. Assim, o título do absoluto foi para Lucas Hulk, que compareceu ao tatame e teve o nome anunciado como vencedor.

    No mais, outros grandes nomes e promessas do Jiu-Jitsu agitaram o público presente no ginásio. Nicholas Meregali, Fellipe Andrew e Rudson Mateus foram os principais destaques entre os homens, com finalizações afiadas. Já entre as mulheres, Bia Basílio, Carina Santi e Jéssica Flowers, que finalizou Fernanda Mazzelli, também levantaram o público. A TATAME esteve presente em Barueri e fez uma cobertura especial através das redes sociais (veja).

    Confira os resultados completos do Brasileiro de Jiu-Jitsu, aqui

    Tayane, mais uma vez, teve grande atuação, conquistando o ouro duplo no feminino adulto faixa-preta (Foto IBJJF)

    Rudson, Andrew e Meregali roubam a cena

    Na categoria dos galos, Cleiton Soares levou a melhor sobre Willian Oliveira, enquanto na categoria dos plumas, Hiago George e José Tiago fecharam para a PSLPB Cícero Costha. Já nos penas, Rafael Mansur e Gianni Grippo fizeram uma verdadeira batalha e a luta foi decidida para o brasileiro, na decisão dos árbitros. Nos leves, Yan Pica-Pau se sagrou campeão ao bater Jhonny Loureiro após marcar 2 a 0 nos pontos em duelo apertado.

    Nos médios, Marcos Tinoco derrotou Yago Sousa para ficar com o título, enquanto nos meio-pesados, Rudson Mateus teve uma excelente atuação. Após Horlando Monteiro abrir 2 a 0, o lutador da Caio Terra raspou, pegou as costas e teve tranquilidade para encaixar o mata-leão e, assim, garantir o ouro. Já nos pesados, Dimitrius Souza, ao tentar estourar a guarda de Fellipe Andrew, acabou deixando o pé e foi pego no leglock.

    Entre os superpesados, a revelação Nicholas Meregali impôs um ritmo muito forte na luta e rapidamente estava em posição de superioridade sobre Igor Tigrão no chão. Não demorou para o gaúcho ajustar o estrangulamento e confirmar a medalha dourada. Nos pesadíssimos, Felipe Augusto finalizou Otávio Serafim, também com estrangulamento.

    Nicholas Meregali, campeão mundial, garantiu o título brasileiro ao finalizar Igor Tigrão no peso-superpesado (Foto IBJJF)

    Flowers, Santi e Bia Basílio se destacam

    Entre as mulheres, pela categoria peso-pluma, Alliny Karen levou a melhor sobre Cristina Zakka, enquanto nos leves o ouro ficou com Bia Basílio, que derrotou Ana Carolina Schmitt. Já na divisão dos médios, Éricka Wannessa superou Renata Marinho. Pelos meio-pesados, Carina Santi dominou Rafaela Pires e fechou a luta com uma finalização.

    Na classe dos pesados, Cláudia do Val dominou o confronto, impôs o seu jogo e derrotou Fabiana Ferrari, que tentou reagir, mas sem sucesso. Pela categoria dos superpesados, Fernanda Mazzelli começou a luta tentando passar a guarda de Jessica Flowers. No entanto, a atleta da Gracie Barra, com toda sua explosão, conseguiu uma raspagem, foi para a montada e fechou com uma chave de braço, encerrando a lista dos campeões.

    Confira os principais resultados abaixo:

    – Feminino adulto faixa-preta
    Peso-galo: Liliane Lima derrotou Aurlinda Queiroz por W.O.
    Peso-pluma: Alliny Karen finalizou Cristina Zakka com um ezequiel
    Peso-leve: Bia Basílio derrotou Ana Carolina Schmitt por 4 a 0 nas vantagens
    Peso-médio: Éricka Wannessa finalizou Renata Marinho com um estrangulamento
    Peso-meio-pesado: Carina Santi finalizou Rafaela Pires com um ezequiel
    Peso-pesado: Cláudia do Val derrotou Fabiana Ferrari por 2 a 0 nas vantagens
    Peso-superpesado: Jessica Flowers finalizou Fernanda Mazzelli com uma chave de braço
    Peso-pesadíssimo: Tayane Porfírio finalizou Luzia Santana com um estrangulamento
    Absoluto: Tayane Porfírio e Cláudia do Val fecharam

    – Masculino adulto faixa-preta
    Peso-galo: Cleiton Soares derrotou Willian Oliveira por 2 a 0 nas vantagens
    Peso-pluma: Hiago George e José Tiago fecharam
    Peso-pena: Rafael Mansur derrotou Gianni Grippo na decisão dos árbitros
    Peso-leve: Yan Pica-Pau derrotou Jhonny Loureiro por 2 a 0 nos pontos
    Peso-médio: Marcos Tinoco derrotou Yago Sousa por uma punição
    Peso-meio-pesado: Rudson Mateus finalizou Horlando Monteiro com um mata-leão
    Peso-pesado: Fellipe Andrew finalizou Dimitrius Souza com uma chave de pé
    Peso-superpesado: Nicholas Meregali finalizou Igor Gregório com um estrangulamento
    Peso-pesadíssimo: Felipe Augusto finalizou Otávio Serafim com um estrangulamento
    Absoluto: Lucas Hulk derrotou Victor Honório por W.O.

    Essa matéria é um oferecimento de:

    #Tauron #UseTauron #NosLutamosComVoce. Para saber mais, clique aqui

    Kimonos Akira, a armadura que você precisa. Para saber mais, clique aqui

    Patchs Arte Suave: o melhor para o seu quimono. Para saber mais, clique aqui

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome