Demian lidera primeiro evento do UFC no Chile em card com outros cinco brasileiros em ação

    Demian substituiu Ponzinibbio de última hora e agora enfrenta Usman na luta principal (Foto Getty Images / UFC)

    Em processo de expansão dentro do MMA, o Ultimate levará seu grande show a mais um país. O palco, desta vez, será Santiago, capital do Chile, que recebe pela primeira vez o maior evento de MMA do mundo com o UFC Fight Night 129, neste sábado (19). Na luta principal da noite, pela divisão dos meio-médios, o brasileiro Demian Maia terá pela frente o embalado Kamaru Usman. No co-main event, as promissoras Alexa Grasso e Tatiana Suarez medem forças visando um protagonismo maior na categoria peso-palha feminino.

    Além de Demian, outros cinco brasileiros estarão em ação no UFC Chile. No card principal, pela divisão dos meio-médios, Vicente Luque enfrenta Chad Laprise. Já no card preliminar, Michel Trator, Alexandre Pantoja, Poliana Botelho e Felipe Silva encaram Zak Cummings, Brandon Moreno, Syuri Kondo e Claudio Puelles, respectivamente.

    Demian encara Usman e inicia ‘últimas lutas’ da carreira

    Vindo de duas derrotas consecutivas no Ultimate, Demian Maia encara o duelo contra Kamaru Usman como importante para seu futuro nos meio-médios. Ex-desafiante ao cinturão da categoria, o brasileiro se encontra em quinto lugar no ranking atualmente e, aos 40 anos de idade, parte para seus últimos desafios no MMA. O faixa-preta de Jiu-Jitsu revelou, em entrevista à TATAME, que após o combate deste sábado só terá mais três lutas em seu atual contrato com o UFC, e que seu plano é se aposentar do MMA no próximo ano.

    Adversário de Demian, Kamaru Usman vive grande fase na carreira. Invicto no UFC, o lutador não perde uma luta desde 2013, quando ainda lutava pelo evento CFA. Pelo Ultimate, Usman vem de incríveis sete vitórias consecutivas, sendo a última contra Emil Meek, em janeiro deste ano, por decisão unânime dos jurados. O nigeriano tem 31 anos.

    Duelo entre Alexa Grasso e Tatiana Suarez promete agitar o peso-palha feminino (Foto Getty Images / UFC)

    Grasso e Suarez se enfrentam em busca de maior destaque

    Consideradas lutadoras promissoras na acirrada categoria peso-palha feminino do UFC, Alexa Grasso e Tatiana Suarez se enfrentam na luta co-principal do UFC Chile e encaram o duelo como essencial para dar um passo maior rumo ao Top 5 da divisão, que tem Rose Namajunas como atual campeã. Nona colocada no ranking, Grasso possui apenas uma derrota na carreira, para Felice Herrig, e vem de vitória sobre Randa Markos em sua última apresentação, em agosto do ano passado. Já Suarez foi a grande campeã do TUF 23 e está invicta em sua carreira, com cinco triunfos. A lutadora vem de resultado positivo diante da brasileira Viviane Sucuri, em novembro do ano passado, por decisão unânime dos jurados.

    Vicente busca nova sequência positiva contra canadense

    Vindo de boa vitória por finalização contra Niko Price em sua última luta pelo UFC, Vicente Luque terá mais um duro desafio pela frente. O brasileiro, que já chegou a emplacar quatro vitórias consecutivas, mas teve sua sequência positiva interrompida ao ser derrotado por Leon Edwards, precisa vencer para voltar a embalar na categoria meio-médio, todavia, a missão não será nada fácil. Seu adversário, Chad Laprise, vem com moral na organização após vencer suas três últimas lutas, todas por nocaute, e promete dar trabalho para Luque.

    Contando com o apoio da torcida, Luque espera somar sua segunda vitória seguida (Foto Getty Images / UFC)

    CARD COMPLETO:

    UFC Fight Night 129
    Santiago, no Chile
    Sábado, 19 de maio de 2018

    Card principal
    Kamaru Usman derrotou Demian Maia por decisão unânime dos jurados
    Tatiana Suarez finalizou Alexa Grasso com um mata-leão no 1R
    Dominick Reyes derrotou Jared Cannonier por nocaute técnico no 1R
    Guido Cannetti derrotou Diego Rivas por decisão unânime dos jurados
    Andrea Lee derrotou Veronica Macedo por decisão unânime dos jurados
    Vicente Luque derrotou Chad Laprise por nocaute no 1R

    Card preliminar
    Michel Trator derrotou Zak Cummings por decisão dividida dos jurados
    Alexandre Pantoja derrotou Brandon Moreno por decisão unânime dos jurados
    Poliana Botelho derrotou Syuri Kondo por nocaute técnico no 1R
    Gabriel Benítez derrotou Humberto Bandenay por nocaute no 1R
    Enrique Barzola derrotou Brandon Davis por decisão unânime dos jurados
    Frankie Saenz derrotou Henry Briones por decisão unânime dos jurados
    Claudio Puelles finalizou Felipe Silva com uma chave de joelho no 3R

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome