Demian visa recorde de finalizações do UFC para lutas restantes: ‘Já ficaria feliz’

Publicado em 21/05/2018 por: Mateus Machado
Demian visa recorde de finalizações do UFC para lutas restantes: ‘Já ficaria feliz’ Demian Maia promoverá seminário internacional de Aikido em sua academia (Foto Getty Images / UFC)

publicidade

No último sábado (19), na luta principal do UFC Chile, Demian Maia amargou sua terceira derrota consecutiva na organização ao ser superado por Kamaru Usman na decisão unânime dos jurados. Curiosamente, seus reveses em sequência vieram para três wrestlers de excelência, casos de Tyron Woodley – campeão -, Colby Covington e o próprio Usman.

Desta forma, para os três compromissos que ainda restam em seu contrato com o UFC – antes de sua provável aposentadoria do MMA -, Demian, em entrevista coletiva após o evento, revelou que o pensamento é mudar o estilo dos seus rivais nos próximos duelos.

“Agora tenho mais três lutas no meu contrato e quero fazer as três lutas. É isso que eu penso agora. Nas três últimas lutas, enfrentei os três melhores wrestlers da categoria, três ‘All-American’, e isso é muito difícil pra mim. Meu jogo é sempre derrubar e tentar ganhar no chão. Não preciso escolher nada, porque os três melhores são minhas últimas três lutas, mas claro que agora é melhor mudar o estilo de adversário. Ao mesmo tempo, não tenho todo esse poder para escolher meu adversário. Não depende só de mim, mas do UFC”.

Ex-desafiante ao título da divisão dos meio-médios, Demian não tem a intenção de fazer uma nova “corrida” pelo cinturão. Com 40 anos, o faixa-preta de Jiu-Jitsu tem uma outra meta a ser batida em suas lutas restantes: passar o recorde de finalizações do UFC, que atualmente pertence ao lendário Royce Gracie. Com nove vitórias por finalização, Demian está a um triunfo de igualar a marca de dez finalizações de Royce, e com três lutas em contrato, ele precisaria de duas finalizações para quebrar a marca estabelecida por Royce.

“Disputar o cinturão não é minha preocupação agora, com certeza. Se pudesse, já ficaria feliz de bater o recorde de finalizações do UFC. Isso que eu queria, e conquistar mais algumas vitórias. Mas o principal foco não é o cinturão, é lutar essas três lutas o melhor que eu puder e ganhar, e quem sabe bater esse recorde (de finalizações)”, encerrou.

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC Fight Night 129
Santiago, no Chile
Sábado, 19 de maio de 2018

Card principal
Kamaru Usman derrotou Demian Maia por decisão unânime dos jurados
Tatiana Suarez finalizou Alexa Grasso com um mata-leão no 1R
Dominick Reyes derrotou Jared Cannonier por nocaute técnico no 1R
Guido Cannetti derrotou Diego Rivas por decisão unânime dos jurados
Andrea Lee derrotou Veronica Macedo por decisão unânime dos jurados
Vicente Luque derrotou Chad Laprise por nocaute no 1R

Card preliminar
Michel Trator derrotou Zak Cummings por decisão dividida dos jurados
Alexandre Pantoja derrotou Brandon Moreno por decisão unânime dos jurados
Poliana Botelho derrotou Syuri Kondo por nocaute técnico no 1R
Gabriel Benítez derrotou Humberto Bandenay por nocaute no 1R
Enrique Barzola derrotou Brandon Davis por decisão unânime dos jurados
Frankie Saenz derrotou Henry Briones por decisão unânime dos jurados
Claudio Puelles finalizou Felipe Silva com uma chave de joelho no 3R

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade