Início da segunda temporada do ‘Contender Series’ rende contrato a dois lutadores com o Ultimate

    Alonzo Menifield nocauteou em apenas oito segundos e será integrado ao plantel do Ultimate (Foto UFC)

    Após uma primeira temporada que teve como destaques Sean O’Malley, Julian Marquez e Lauren Mueller, além de outros 20 lutadores que foram contratados pelo Ultimate, o reality show “Dana White’s Tuesday Night Contender Series” teve início na última terça-feira (12), em Las Vegas, nos Estados Unidos, com a segunda temporada da competição que busca dar chances aos atletas para obter uma vaga na maior organização de MMA do mundo.

    Os primeiros cinco combates da nova temporada foram marcados pelo bom nível das lutas e a presença de ex-jogadores de futebol americano (NFL), que atualmente concentram suas forças no MMA. Como prova dos bons confrontos realizados, dois contratos já foram assinados pelo presidente do UFC, Dana White: Alonzo Menifield e Greg Hardy venceram seus respectivos duelos ainda no primeiro round e agora farão parte do plantel do Ultimate.

    Menifield deu um grande show. Após superar o veterano do UFC Daniel Jolly na última temporada, Alonzo, após a luta citada, somou outras duas vitórias, tendo como esperança conquistar o contrato que acabou não vindo na última temporada do reality show. Motivado a ter a chance de lutar no Ultimate, Menifield teve atuação de destaque e, diante de Dashawn Boatwright, saiu vencedor em apenas oito segundos de luta, após conectar um potente golpe de direita no queixo do seu oponente, que foi derrotado após receber uma sequência de socos no chão. Foi a segunda vitória de Alonzo no Contender Series.

    O terceiro combate do início da segunda temporada ficou marcado pelo encontro de dois ex-jogadores da NFL (liga profissional de futebol americano). Fazendo a sua estreia no MMA profissional, Greg Hardy teve pela frente Austen Lane, que tinha ao seu favor o fato de já ter vencido quatro combates no primeiro round. No entanto, a partir do momento que a luta começou, as estatísticas foram deixadas de lado. Com uma atuação explosiva, Hardy não deu chances ao seu adversário e o nocauteou em apenas 57 segundos de luta.

    Vale ressaltar, todavia, que enquanto Alonzo Menifield será imediatamente integrado à divisão dos meio-pesados do Ultimate, Dana White reiterou que a entrada de Greg Hardy na categoria dos pesados será adiada enquanto a organização e a equipe do atleta trabalham juntos para permitir que o ex-atleta da NFL tenha mais tempo para se desenvolver e ganhar um pouco mais de experiência no MMA antes de pisar no octógono.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome