Sem lutar desde julho do ano passado, quando perdeu para Chael Sonnen e se “afastou” dos cages, Wanderlei Silva está pronto para voltar à ação. Nesta quarta (20), através das suas redes sociais, o “Cachorro Louco” revelou que aceitou o convite do Bellator para enfrentar Quinton “Rampage” Jackson no dia 29 de setembro, na Califórnia (EUA).

“Como dizem, é muito difícil um bom profissional se aposentar. Acabei de receber uma ligação do Bellator me convidando para participar no dia 29 de setembro do ‘main event’ contra o Quinton Jackson, na Califórnia (EUA). É nosso quarto combate, nos três primeiros eu ganhei dois e perdi um, então está 2 a 1 para mim”, disse o brasileiro na postagem, relembrando seus duelos épicos contra Rampage em 2003, 2004 e 2008, respectivamente.

Aos 41 anos de idade – terá 42 na data do combate -, Wanderlei é considerado um dos grandes nomes da história do Vale Tudo e MMA. Com lutas históricas pelo PRIDE e UFC, o brasileiro soma 35 vitórias, 11 derrotas, um empate e um “No Contest” em seu cartel. Já Rampage, assim como Wand, também vem de derrota para Sonnen, em janeiro deste ano, pelo GP dos Pesados do Bellator. O americano tem 37 triunfos e 13 reveses na carreira.

Na mesma postagem de Wanderlei, André Dida, líder da equipe Evolução Thai em Curitiba, apostou em vitória do brasileiro apesar do tempo inativo: apenas uma luta desde 2013.

“Tenho certeza que o Wanderlei Silva vai ser vitorioso nesse combate. Wanderlei tem todas as armas para vencer o Quinton Jackson e estou muito feliz de participar desse projeto”.

Confira o anúncio de Wanderlei Silva:

https://www.instagram.com/p/BkP8_JtA4rg/?taken-by=wandfc