Embalado, Durinho analisa duelo no UFC 226: ‘Vou colocar pressão o tempo todo’

    Gilbert Durinho vem de duas boas vitórias por nocaute no Ultimate e quer a trinca (Foto Getty Images / UFC)

    Por Mateus Machado

    Vivendo boa fase dentro do Ultimate, com duas vitórias consecutivas, sendo ambas por nocaute, Gilbert Durinho tem um novo desafio pela frente. O brasileiro vai encarar Dan Hooker no próximo sábado (7), em luta válida pelo UFC 226, que será realizado em Las Vegas (EUA). Caso saia vencedor, o lutador de Niterói (RJ) vai emplacar o terceiro triunfo seguido no UFC, igualando sua melhor sequência dentro da franquia, entre 2014 e 2015.

    Em entrevista à TATAME, o faixa-preta de Jiu-Jitsu falou sobre o motivo de ter aceitado uma nova luta em um curto espaço de tempo, já que sua última apresentação foi em abril, comentou sobre a questão da perda de peso, um problema para o lutador no início do ano, e analisou seu adversário, que também vem embalado no Ultimate, com três triunfos.

    Confira a entrevista completa com Gilbert Durinho:

    – Duas lutas em um curto espaço de tempo

    A intenção, claro, é manter o ritmo de luta, porque estou me sentindo muito bem. Eu já deveria ter lutado no início do ano, mas por conta de alguns problemas, só consegui lutar em abril e venci no início do segundo round, não me machuquei. Então, voltei a treinar logo depois e já comecei a perturbar o pessoal do UFC para lutar de novo, para arrumarem um novo adversário pra mim. Então, a intenção é manter o ritmo para seguir lutando bem.

    – Problemas com a balança no passado

    Aconteceu aquele problema com a Comissão Atlética, onde acabei não podendo lutar, mas depois disso eu passei a tomar todos os cuidados possíveis. Estou fazendo um trabalho bem direcionado na perda de peso, perdendo muito peso para a semana da luta, mas me mantendo forte e saudável, o mais importante. Acho que esse problema está superado.

    – Participação em card estelar no UFC 226

    É muito bom para mim lutar em um card com grandes lutas. É uma semana importante para o UFC, é a semana Internacional da Luta, e fazer parte de um evento grandioso desse é muito bom para o lutador, pois ficamos em evidência. Estou muito animado e ansioso.

    – Análise de Dan Hooker, seu adversário

    A intenção é botar pressão o tempo todo, desde o início, mas claro, tomando todas as precauções possíveis para não ser surpreendido. Pelo o que eu vi, ele é um cara mais alto, “magrelo”, que sabe se movimentar bem, mas tem suas brechas. Eu vejo que posso levar vantagem na trocação, com meus golpes mais potentes, e com certeza também na luta de chão, que é minha especialidade. Quero conquistar a vitória de forma rápida, seja com nocaute ou finalização, para me manter em alta dentro da categoria dos pesos-leves.

    Gilbert Durinho, vindo de duas vitórias, terá Dan Hooker pela frente no UFC 226 (Foto Getty Images / UFC)

    – Trabalho e evolução na luta em pé 

    Isso já é algo que eu venho trabalhando há muito tempo. Ficou mais em evidência pelo fato dos meus nocautes nas últimas duas lutas, mas eu venho melhorando na trocação e buscando melhorar na luta em pé já há alguns anos. Fico muito feliz por poder evoluir em todas as áreas, porque além da trocação, eu também pude melhorar muito o meu Wrestling, sem deixar de lado o meu Jiu-Jitsu, que procuro sempre aperfeiçoar também.

    – Terceira vitória valendo vaga no Top 15

    É meio difícil de falar, porque é complicado entender os critérios para entrar no ranking. Mas já são duas vitórias por nocaute, então se vier a terceira por nocaute, ou até mesmo uma finalização, eu acredito que seja um bom fator para estar no ranking da categoria.

    CARD COMPLETO:

    UFC 226
    T-Mobile Arena, em Las Vegas (EUA)
    Sábado, 07 de julho de 2018

    Card principal
    Stipe Miocic x Daniel Cormier
    Max Holloway x Brian Ortega
    Francis Ngannou x Derrick Lewis
    Michael Chiesa x Anthony Pettis
    Gokhan Saki x Khalil Rountree

    Card preliminar
    Paulo Borrachinha x Uriah Hall
    Mike Perry x Paul Felder
    Raphael Assunção x Rob Font
    Max Griffin x Curtis Millender
    Gilbert Durinho x Dan Hooker
    Lando Vannata x Drakkar Klose
    Jamie Moyle x Emily Whitmire

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome