Dana White rasga elogios a Paulo Borrachinha e afirma: ‘Será a próxima estrela brasileira’; confira

    Dana White falou pela primeira vez sobre a ida de Demetrious para o ONE (Foto Getty Images / UFC)

    Paulo Borrachinha voltou a impressionar os fãs de MMA. No último sábado (7), pelo UFC 226, o brasileiro voltou a ter uma atuação de destaque e nocauteou o perigoso Uriah Hall no segundo round, mantendo sua invencibilidade no MMA, agora com 12 vitórias, sendo quatro delas conquistadas lutando pelo Ultimate.

    Dessas 12 vitórias, 11 terminaram em nocaute a favor de Borrachinha, além de uma finalização, quando ainda lutava pelo Jungle Fight. Ou seja, em nenhum de seus confrontos, o mineiro deixou a luta ir para a decisão dos árbitros. Os desempenhos de Paulo impressionam a todos, inclusive o presidente do UFC, Dana White, que rasgou elogios ao lutador em coletiva de imprensa realizada após o evento, sediado em Las Vegas (EUA).

    “Esse garoto vai ser a próxima estrela brasileira. Forte, preparado, inteligente e bonito. Esse é o cara que eu espero que seja uma grande estrela. Fez uma luta espetacular hoje. A maneira como esse cara lutou foi espetacular, foi uma grande luta dele”, elogiou Dana.

    Logo após o combate, Paulo Borrachinha, ainda no octógono, desafio o ex-campeão Chris Weidman, para o card que o Ultimate vai organizar em Nova York (EUA), em novembro. Além disso, muitos fãs de MMA pediram para que o próximo desafio do brasileiro seja contra o também invicto Israel Adesanya. No entanto, Dana White afirmou que o combate diante do nigeriano não deve acontecer, pelo menos por enquanto.

    RESULTADOS COMPLETOS: 

    UFC 226
    T-Mobile Arena, em Las Vegas (EUA)
    Sábado, 7 de julho de 2018

    Card principal
    Daniel Cormier derrotou Stipe Miocic por nocaute no 1R
    Derrick Lewis derrotou Francis Ngannou por decisão unânime dos jurados
    Mike Perry derrotou Paul Felder por decisão dividida dos jurados
    Anthony Pettis finalizou Michael Chiesa com um triângulo no 2R
    Khalil Rountree derrotou Gokhan Saki por nocaute técnico no 1R

    Card preliminar
    Paulo Borrachinha derrotou Uriah Hall por nocaute técnico no 2R
    Raphael Assunção derrotou Rob Font por decisão unânime dos jurados
    Curtis Millender derrotou Max Griffin por decisão unânime dos jurados
    Dan Hooker derrotou Gilbert Durinho por nocaute técnico no 1R
    Drakkar Klose derrotou Lando Vannata por decisão unânime dos jurados
    Emily Whitmire derrotou Jamie Moyle por decisão unânime dos jurados

    1 COMENTÁRIO

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome