No último dia 14 de julho, Ronaldo Anquieta, ex-coordenador de projetos da Universidade Federal Fluminense (UFF), esteve presente em mais um núcleo de artes marciais para debater sobre oportunidades e a importância do esporte para a sociedade. Em Nova Iguaçu, no Rio de Janeiro, Ronaldo visitou o projeto social “Faixa preta de Jesus”, liderado por Ricardo Cavalcante e que já atendeu mais de 5 mil crianças, jovens e adolescentes.

“Foi uma honra e um prazer enorme receber o Ronaldo Anquieta no nosso centro de treinamento, com certeza isso motiva ainda mais para avançarmos com o projeto. Nosso grande objetivo é deixar um legado para o futuro, para que os nossos alunos tenham oportunidades na vida”, comentou Ricardo, relembrando o início do projeto.

“Surgimos no final de 2007 e, desde então, são quase 11 anos com o projeto social. A partir de um chamado, vimos que através do esporte, educação e boa alimentação podemos mudar muitas vidas, e é em cima disso que trabalhamos para seguir ajudando”.

Tido com um verdadeiro “paizão”, Ricardo proporciona, no fim de cada aula, lanche para todos os alunos. O faixa-preta de Jiu-Jitsu também faz questão de levar cada um na porta de sua respectiva casa e, muitas vezes, deixa de cumprir com suas contas pessoais, como a própria família, para pagar as do projeto, localizado no Instituto Brasil, em Nova Iguaçu.

Para manter toda estrutura – que é gratuita -, Ricardo conta com a ajuda de parceiros e de nomes como Ronaldo Anquieta, referência no Rio de Janeiro na área de inclusão social a partir de modalidades de luta, esportes coletivos e torneios de alta performance. Caso você também deseje ajudar, acesse o site do projeto para mais informações (clique aqui).