Inácio Neto e gringos são destaques em Opens; Jones supera Diniz em superluta

    Craig Jones levou a melhor sobre Matheus Diniz em luta polêmica no Grapplefest (Foto FloGrappling)

    Correndo por fora com as disputas do Pan No-Gi e do São Paulo Open de Jiu-Jitsu, o final de semana (15 e 16) foi repleto de outros destaques no mundo da arte suave. Além dos dois torneios citados, a IBJJF ainda promoveu o Copenhagen Open, na Dinamarca, e o Atlanta Open, nos Estados Unidos. E como de costume, os confrontos de alto nível consagraram novos campeões e também atletas que já são conhecidos na modalidade.

    Os campeões no Copenhagen Open começaram a ser definidos nos combates com quimono, onde Tommy Langaker brilhou e conquistou o ouro no peso-médio e também no absoluto no adulto faixa-preta. Nas disputas por categoria entre os homens, outros vencedores foram Valmyr Mattos, Samir Chantre, Tommi Pulkkanen, Alec Baulding e Carlos Evandro. Já entre as mulheres, a jovem Amal Amjahid – destaque no último Abu Dhabi World Pro – levou o ouro duplo com títulos no peso-pena e no peso aberto.

    No dia seguinte, os atletas entraram em ação sem o pano e foi a vez de Alec Baulding se destacar. Campeão peso-pesado com o quimono, a fera da Alliance levou mais dois ouros nas batalhas No-Gi ao ser campeão no meio-pesado e no absoluto. Tomas Barlow, Samir Chantre e Mads Burnell fecharam a lista de vencedores nos duelos válidos pelas categorias. No feminino, a americana Chelsea Leah, faixa-preta da Atos, faturou o ouro duplo.

    Confira os resultados do Copenhagen Open com quimono, aqui 
    Confira os resultados do Copenhagen Open sem quimono, aqui

    Principais destaques em Atlanta

    Assim como em Copenhagen, nomes que são destaques na arte suave estiveram em ação no Atlanta Open. No masculino adulto faixa-preta, pelas divisões de peso, João Gabriel Batista, Deandre Corbe, Jeremy Jackson, Kauan Barboza, Matthew Leighton, Horlando Monteiro, Léo Nogueira e Kaliffa Oliveira receberam a medalha de ouro. Já no absoluto, o grande campeão foi Inácio Neto. Sem o quimono, o casca-grossa da Gracie Barra se destacou novamente e levou o ouro duplo saindo vencedor no super-pesado e também no peso aberto. Outros que subiram no lugar mais alto do pódio foram João Gabriel Batista, Thiago Macedo, Santiago Farina, Pedro Palhares, Gustavo Soares e Fábio de Melo.

    No feminino, Jessica Guedry e Kristen Martin foram as grandes vencedoras, conquistando o cobiçado ouro duplo nas faixas-marrom e preta, respectivamente, sem muitas dificuldades.

    Confira os resultados do Atlanta Open com quimono, aqui 
    Confira os resultados do Atlanta Open sem quimono, aqui

    Inácio Neto garantiu quatro medalhas na disputa do Atlanta Open de Jiu-Jitsu (Foto reprodução)

    Craig Jones vence Matheus Diniz

    Realizado no último domingo (16), em Liverpool, na Inglaterra, o GrappleFest 2 teve em sua luta principal o duelo entre Craig Jones e Matheus Diniz, que mediram forças em um aguardado combate sem quimono. O brasileiro, pupilo de Marcelinho Garcia, teve um início explosivo, buscando de forma intensa passar a guarda do seu adversário. No entanto, os esforços de Matheus foram em vão, já que Jones manteve-se ativo em sua guarda fechada e, ao final da luta, foi declarado vencedor por decisão dos árbitros, o que gerou muita insatisfação por parte de Diniz, que contestou o resultado, mas nada pode fazer sobre.

    Confira os principais resultados do GrappleFest 2:

    Craig Jones derrotou Matheus Diniz por decisão dos jurados
    Ben Hodgkinson finalizou Ash Amos com um mata-leão
    Ashley Williams derrotou Ben Eddy por decisão dos jurados
    Ross Nicholls finalizou Sean McDonagh com uma chave de calcanhar
    Jack Grant derrotou Eoghan O’Flanaghan por decisão dos jurados
    Stuart Cooper derrotou Ben Dyson por decisão dos jurados
    Matty Holmes finalizou Ben Bennet com uma chave de calcanhar
    Kieran Davern finalizou Nick Forrer com um armlock
    Tom Caughey derrotou Chris Walsh por decisão dos jurados
    Jay Butler finalizou Harry McKnight com uma chave de calcanhar
    Maia Holmes derrotou Lucy Harrison por decisão dos jurados
    Shea Williams derrotou Theo McEvett por decisão dos jurados

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome