Ouro no Grand Slam de LA, Igor Silva exalta liderança em ranking da UAEJJF: ‘Quero mais um feito inédito’

    Embalado nas competições da UAEJJF, Igor Silva quer atingir novo feito inédito (Foto divulgação)

    Atual bicampeão do ranking da Federação de Jiu-Jitsu dos Emirados Árabes (UAEJJF) no adulto faixa-preta, Igor Silva traçou como meta repetir o feito das duas últimas temporadas, mas agora na categoria master. E o faixa-preta de Jiu-Jitsu começou bem a sua caminhada ao derrotar dois adversários para conquistar a etapa de Los Angeles do Grand Slam de Abu Dhabi, que aconteceu no último final de semana, nos Estados Unidos.

    “Minha expectativa no master é tentar repetir o mesmo feito dos dois anos anteriores, quando venci o ranking sem quimono e depois o com quimono, ambos na categoria adulto faixa-preta. Fiquei muito feliz em ser o único na história da UAEJJF a vencer o ranking com e sem quimono no adulto faixa-preta, agora espero conquistar o master e acrescentar mais um feito inédito”, disse Igor, que apesar de não ter treinado como gostaria por conta do nascimento de seu segundo filho, ficou satisfeito com a vitória na etapa de Los Angeles.

    “Eu fiz duas lutas e acabei vencendo por pontos (6 a 0 e 8 a 0). Achei a minha participação boa, mas poderia ter sido melhor. Eu não vinha treinando constantemente depois do nascimento da minha filha, nem descansando como deveria, mas acredito que a felicidade da chegada dela me deu uma força extra também para sair vitorioso”, explicou o lutador.

    Radicado em Abu Dhabi, capital dos Emirados Árabes, Igor precisou fazer muitas viagens nas temporadas passadas para participar dos torneios do Grand Slam e somar pontos no ranking da UAEJJF. Questionado se terá participação tão constante agora que teve outro filho, o faixa-preta de 34 anos não teve dúvidas em afirmar que manterá a mesma pegada.

    “Lutar muito é a meta (risos)”, respondeu com bom humor. “Lutei muito na última temporada, mas não só as etapas da UAEJJF, lutei também no ACB JJ e na IBJJF. Estou me adaptando a nova vida com mais um filho, porém minha esposa me apoia muito e entende a importância das competições para a nossa família. Então, pretendo lutar bastante esse ano também, seguir com a mesma pegada, com certeza”, projetou o experiente atleta.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome