Após vitória ‘relâmpago’ no UFC São Paulo, Alex Cowboy brinca: ‘Suei mais na hora de dançar’; confira

Publicado em 23/09/2018 por: Mateus Machado
Após vitória ‘relâmpago’ no UFC São Paulo, Alex Cowboy brinca: ‘Suei mais na hora de dançar’; confira Em alta, Alex Cowboy emplacou sua segunda vitória consecutiva no Ultimate (Foto Getty Images / UFC)

publicidade

Por Diogo Santarém e Gabriel Carvalho

Conhecido do grande público que acompanha o MMA, Alex Cowboy deu mais um show, desta vez no UFC São Paulo, realizado no último sábado (22). Em apenas 39 segundos, o brasileiro derrotou Carlo Pedersoli por nocaute e emplacou sua segunda vitória seguida.

Cada vez mais em alta na categoria dos meio-médios, Cowboy mostra-se pronto para encarar desafios maiores na divisão. Em entrevista coletiva pós-luta, o atleta de Três Rios (RJ) afirmou que não esperava sair com o triunfo de forma tão rápida, mas ressaltou sua boa qualidade na trocação como grande mérito para mais um resultado positivo no UFC.

“Eu entrei para nocautear ele, esse é o meu estilo. Se a minha mão entrar, é bem difícil do cara aguentar o tranco. Quando ele deu o vacilo de chutar, finalizei logo a luta. Não esperava que fosse tão rápido assim, meu plano era ir até o segundo round, algo assim, mas sempre vou para decidir e, quanto mais rápido, melhor”, disse Cowboy, que ainda falou sobre a mudança de adversário faltando poucos dias para o UFC São Paulo.

“Lutador tem dessas, essas coisas acontecem mesmo (troca de rival). Agradeço ao Carlo (Pedersoli) por ter aceitado a luta, ele poderia ter ganho também. Mas eu viso o cinturão e sei que tenho condições de chegar lá. Podem esperar que minha hora vai chegar. Eu faço o que gosto. Minha diferença está aí, entro sorrindo e dançando. Para mim, é diversão”.

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC Fight Night 137
Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo (SP)
Sábado, 22 de setembro de 2018

Card principal
Thiago Marreta derrotou Eryk Anders por nocaute técnico no 3R
Alex Cowboy derrotou Carlo Pedersoli por nocaute técnico no 1R
Rogério Minotouro derrotou Sam Alvey por nocaute técnico no 2R
Andre Ewell derrotou Renan Barão por decisão dividida dos jurados
Randa Markos x Marina Rodriguez terminou em empate majoritário

Card preliminar
Charles do Bronx finalizou Christos Giagos com um mata-leão no 2R
Francisco Massaranduba derrotou Evan Dunham por nocaute no 2R
Ryan Spann derrotou Luis Henrique KLB por decisão unânime dos jurados
Augusto Sakai derrotou Chase Sherman por nocaute técnico no 3R
Serginho Moraes finalizou Ben Saunders com um katagatame no 2R
Mayra Bueno finalizou Gillian Robertson com um armlock no 1R
Thales Leites derrotou Hector Lombard por decisão unânime dos jurados
Elizeu Capoeira derrotou Luigi Vendramini por nocaute no 2R
Livinha Souza finalizou Alex Chambers com uma guilhotina no 1R

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade