Capoeira, Massaranduba e Do Bronx se destacam no card preliminar do UFC São Paulo; saiba mais

por: TATAME | @tatameofficial
Publicado em 23/09/2018
Capoeira, Massaranduba e Do Bronx se destacam no card preliminar do UFC São Paulo; saiba mais Com um belo nocaute, Elizeu Capoeira emplacou sua sexta vitória seguida no UFC (Foto Getty Images / UFC)

publicidade

O card preliminar do UFC São Paulo, realizado neste sábado (22), no Ginásio do Ibirapuera, foi um ótimo cartão de visitas para o fã de MMA. O torcedor viu combates de alto nível nas nove primeiras lutas do evento. Destaques para os estreantes Augusto Sakai, Livinha Souza e Mayra Bueno, vindos do reality show “Contender Series Brasil”, que venceram seus adversários de maneira espetacular. Outros que brilharam foram Serginho Moraes, Ryan Spann, Francisco Massaranduba e Charles do Bronx, que anotaram bons triunfos.

Quem também levantou o público presente foi Thales Leites. Em sua última luta na carreira, o veterano da Nova União, na base da raça, superou Hector Lombard na decisão unânime dos jurados e comemorou bastante o resultado ao lado de Dedé Pederneiras.

Do Bronx brilha e bate recorde de finalizações do UFC

Charles do Bronx fez história no duelo que fechou o card preliminar do UFC Fight Night 137. Lutando pela primeira vez na cidade que costuma treinar, Charles finalizou Christos Giagos com um mata-leão no segundo assalto, chegando à incrível marca de 11 finalizações lutando pelo UFC e superando o recorde da lenda Royce Gracie, de dez.

Apesar da vantagem técnica, o combate não foi fácil para Do Bronx. O paulista teve alguns problemas na trocação no primeiro round e no segundo, mas novamente mostrou o seu tradicional oportunismo e excelência na arte suave para derrubar e rapidamente encaixar um mata-leão em Giagos, que não resistiu à pressão de Charles e deu os três tapinhas.

Massaranduba bate Evan Dunham com joelhada brutal

O veterano Evan Dunham queria se aposentar do MMA com estilo, mas foi impedido pelo também experiente brasileiro Francisco Massaranduba, que conseguiu uma bela vitória. O combate foi técnico e disputado desde o começo, com pressão e bons golpes dos dois lados. No segundo round, Francisco acertou uma bela joelhada na linha de cintura de Dunham, que caiu nocauteado. O brasileiro se reencontrou com a vitória e, em entrevista pós-luta, pediu para enfrentar o americano Kevin Lee em sua próxima apresentação.

Francisco Massaranduba derrotou Dunham após bela joelhada no segundo round (Foto Getty Images / UFC)

Luis Henrique KLB perde terceira e se complica no UFC

O duelo contra Ryan Spann pode ter sido o último do brasileiro Luis Henrique KLB pelo UFC. Voltando para a divisão dos meio-pesados, Luis encontrou dificuldades contra o volume de trocação apresentado por Spann, que veio do reality show “Contender Series”. O brasileiro chegou a levar a luta para o solo em alguns momentos, na tentativa de vencer através do seu Jiu-Jitsu, mas não conseguiu trabalhar bem suas ações e foi raspado pelo americano, que conquistou a vitória por decisão unânime dos jurados. O carioca amargou sua terceira derrota consecutiva na organização, enquanto Ryan estreia com um triunfo.

O estreante Ryan Spann levou a melhor sobre KLB, que perdeu a terceira seguida (Foto Getty Images / UFC)

Augusto Sakai estreia com belo nocaute sobre Sherman

Mais um peso-pesado da nova geração, o brasileiro Augusto Sakai estreou com vitória sobre o americano Chase Sherman. Os dois rounds iniciais da luta foram em um ritmo mais lento e sem chamar atenção, mas o paranaense brilhou no terceiro assalto, imprimindo um ritmo forte na trocação e conquistando o nocaute técnico no ground and pound, após uma sequência avassaladora de golpes. Sakai conquistou seu 12º triunfo no cartel, que ainda conta com uma derrota, e também estreou com o pé direito no UFC.

Augusto Sakai teve estreia vitoriosa ao superar Sherman no terceiro round (Foto Getty Images / UFC)

Serginho Moraes domina Saunders em aula de Jiu-Jitsu

Tricampeão mundial de Jiu-Jitsu, o faixa-preta Serginho Moraes utilizou a arte suave com maestria para obter a vitória sobre o americano Ben Saunders, em confronto válido pela categoria peso-meio-médio. Desde o início do combate, o paulista mostrou superioridade, conquistando quedas e transições com facilidade. No segundo assalto, conseguiu encaixar o katagatame que rendeu o resultado positivo, o segundo de forma consecutiva no Ultimate.

Serginho colocou seu Jiu-Jitsu em prática e finalizou Saunders no segundo round (Foto Getty Images / UFC)

Mayra Bueno finaliza Gillian Robertson em grande virada

Lutando com forte apoio do público, a estreante Mayra Bueno, outra atleta que veio do “Contender Series Brasil”, começou seu combate contra Gillian Robertson em apuros, mas conquistou uma finalização sensacional. Robertson iniciou a luta em vantagem, aplicando quedas em cima da brasileira, que teve paciência para superar o momento adverso. Na reta final do primeiro assalto, Mayra, em uma bela reviravolta, encaixou uma chave de braço e forçou a desistência da canadense, mantendo sua invencibilidade.

A finalização veio nos últimos instantes da parcial e foi essencial, já que a brasileira, que segue invicta no MMA, com cinco triunfos, torceu o joelho durante o combate e, provavelmente, não teria condições de retornar para o segundo round da disputa.

A estreante Mayra Bueno finalizou Gillian Robertson ainda no primeiro round (Foto Getty Images / UFC)

Thales Leites se aposenta com vitória sobre Lombard

Em sua última luta profissional, o peso-médio Thales Leites conquistou a vitória para encerrar a carreira com chave de ouro. Enfrentando o cubano Hector Lombard, o brasileiro triunfou na decisão dos juízes. O início da luta foi estudado e com o veterano Lombard acertando muitos chutes na perna esquerda de Thales, que passou a sentir os golpes e ter problemas na movimentação, por conta de um grande inchaço no joelho.

As ações se equilibraram quando Thales conseguiu impor seu Boxe e aproveitou a queda de ritmo de Hector. O carioca conduziu as ações em pé e, com uma boa atuação no último round, venceu por decisão unânime dos jurados, levando o público presente ao delírio.

Thales Leites superou adversidades e derrotou Lombard em sua última luta (Foto Getty Images / UFC)

Elizeu Capoeira anota mais um nocaute e sexto triunfo

O peso-meio-médio paranaense Elizeu Capoeira segue “deitando corpos” no UFC. Em São Paulo, o lutador conquistou mais um belo nocaute, desta vez em cima do estreante Luigi Vendramini. Após um primeiro round com dificuldades, Elizeu se superou no segundo assalto e encaixou uma joelhada voadora certeira. Foi a sexta vitória seguida de Capoeira.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

EMBALADO! Com um nocaute espetacular sobre o estreante Luigi Vendramini no segundo round, @elizeucapoeira emplacou sua sexta vitória seguida e pediu por Robbie Lawler em sua próxima luta. E aí, será que rola? (?️ @obielwankenobi) . ? www.tatame.com.br⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ #UFC #Ultimate #UFC25Years #ufcfightnight #ufcfightnight137 #ufcnatatame #ufcsp #ufcsaopaulo #tatame #mma #mmalife #mmafighter #luta #fight #fighter #boxe #boxer #boxing #muaythai #muaythailife #muaythaifighter #jiujitsu #bjj #brazilianjiujitsu #blackbelt #jiujitsulife #jiujitsulifestyle #bjjlife #fighting⠀

Uma publicação compartilhada por Revista TATAME – (@tatameoficial) em

Livinha Souza estreia no UFC de modo avassalador

A peso-palha brasileira Livinha Souza não deu sopa para o azar em sua estreia no UFC, conseguindo finalizar a australiana Alex Chambers com apenas 81 segundos de luta. Logo no começo, a brasileira impôs um ritmo forte na trocação, abalando a adversária e levando a luta pro solo, onde rapidamente encaixou uma guilhotina e saiu com a vitória. Foi o 12º triunfo da carreira da brasileira – ex-campeã do Invicta FC – no MMA profissional.

Livinha Souza estreou no UFC com bela vitória sobre Alex Chambers e celebrou (Foto Getty Images / UFC)

RESULTADOS COMPLETOS:

UFC Fight Night 137
Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo (SP)
Sábado, 22 de setembro de 2018

Card preliminar
Charles do Bronx finalizou Christos Giagos com um mata-leão no 2R
Francisco Massaranduba derrotou Evan Dunham por nocaute no 2R
Ryan Spann derrotou Luis Henrique KLB por decisão unânime dos jurados
Augusto Sakai derrotou Chase Sherman por nocaute técnico no 3R
Serginho Moraes finalizou Ben Saunders com um katagatame no 2R
Mayra Bueno finalizou Gillian Robertson com um armlock no 1R
Thales Leites derrotou Hector Lombard por decisão unânime dos jurados
Elizeu Capoeira derrotou Luigi Vendramini por nocaute no 2R
Livinha Souza finalizou Alex Chambers com uma guilhotina no 1R

Veja também

publicidade

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade