No último fim de semana (22 e 23), em Los Angeles, na Califórnia (EUA), o faixa-preta Manuel Ribamar brilhou em mais uma etapa do Abu Dhabi Grand Slam da UAEJJF. Na categoria até 85kg, o atleta da equipe Brotherhood e Rodrigo Pinheiro venceu todos os seus três oponentes para garantir US$ 2.500 de premiação. Pela finalíssima, o campeão mediu forças contra Rudson Mateus (Caio Terra). A vitória veio através da decisão dos juízes, depois do empate em 2 a 2 nos pontos, onde teve uma raspagem para cada lado.

Após a batalha, Ribamar, que vive boa fase na arte suave, comentou sobre como fez para desenvolver a sua melhor estratégia na final da categoria contra o duro Rudson Mateus.

“Cara, 6 minutos é um tempo curto. Acho que durante a luta entre dois atletas bons, o campeão vai ser sempre aquele que não erra. O Rudson tem um jogo muito ofensivo de guarda e eu tenho um jogo bem ofensivo de passagem. Ele sabia que também não poderia me deixar solto e eu sabia que ele iria trabalhar o melhor dele. Eu fui raspado, raspei de volta e busquei desenvolver meu jogo por cima. Graças a Deus deu tudo certo”, contou.

Agora, Manuel Ribamar planeja competir no Gran Slam do Rio de Janeiro, marcado para novembro deste ano, e manter o foco nos próximos objetivos, como o ranking da UAEJJF.

“Quero disputar o ranking da UAEJJF e, por isso, vou lutar todos os eventos que puder da Federação. Estou bem fisicamente e mentalmente. Encontrei novamente meu Jiu-Jitsu e tudo está fluindo para eu ter grandes conquistas dentro do esporte. Quero ser a minha melhor versão todos os dias. Não tem segredo”, encerrou o campeão em Los Angeles.