Marreta ‘comemora’ entrada de Eryk Anders no UFC São Paulo e revela: ‘Minha preocupação era a luta cair’

Publicado em 20/09/2018 por: Mateus Machado
Marreta ‘comemora’ entrada de Eryk Anders no UFC São Paulo e revela: ‘Minha preocupação era a luta cair’ Thiago Marreta fará a luta principal do UFC São Paulo contra Eryk Anders (Foto: Getty Images)

publicidade

Por Diogo Santarém e Gabriel Carvalho

Mesmo com a mudança de adversário em cima da hora, Thiago Marreta segue animado – e preparado – para a luta principal do UFC São Paulo, que acontece sábado (22), no Ginásio do Ibirapuera. Substituindo Glover Teixeira, Marreta iria enfrentar Jimi Manuwa. Porém, com a lesão do inglês na última segunda-feira (17), Eryk Anders foi chamado para “salvar” o evento.

“Recebi a notícia de que o Manuwa tinha se machucado e, inicialmente, fiquei preocupado com alguma chance da luta cair, mas quando soube que já tinha um novo adversário, fiquei mais tranquilo. Aproveitei essa ultima semana para me adaptar à troca de adversário. Muda um pouco a estratégia, pois são lutadores completamente diferentes, mas eu treino de tudo e estou preparado”, disse Marreta, em conversa com jornalistas nesta quinta (20), em Media Day do UFC.

Trocador nato, o brasileiro afirmou que vai manter o seu estilo: ir pra dentro em busca do nocaute – são 12 de 18 vitórias desta forma. O que esperar do americano Anders, entretanto, será diferente do antigo rival, mas nada que o preocupe.

“O meu jogo não muda. Meu estilo é o mesmo, vou tentar nocautear meu adversário. Claro que, por conta do jogo dele (Anders) ser outro, tem uma preparação diferente, preciso me precaver em outras coisas, mas está tudo em ordem. Estou pronto para a luta”.

A respeito do ranking, afinal Marreta e Eryk estreiam no peso-meio-pesado, o brasileiro se mostrou tranquilo. Sem ainda saber ao certo se ficará de vez na categoria ou volta para os médios, Thiago projeta um passo de cada vez, revelando ainda surpresa com o convite inicial para encarar Manuwa, quinto colocado no ranking dos meio-pesados.

“Não estou muito preocupado com isso agora (ranking), vou devagar. Quando eu pedi uma luta no meio-pesado, nem esperava que fosse um cara tão bem ranqueado (Jimi Manuwa) na verdade. Mas pelo Glover ter se machucado, eu entrei. Estou feliz pela luta, independentemente de ser um cara ranqueado ou não, eu gosto é de lutar. Primeiro é pensar na vitória, o ranking vem depois”, encerrou Marreta.

CARD COMPLETO:

UFC Fight Night 137
Ginásio do Ibirapuera, em São Paulo (SP)
Sábado, 22 de setembro de 2018

Card principal
Peso-meio-pesado: Thiago Marreta x Eryk Anders
Peso-meio-médio: Alex Cowboy x Carlo Pedersoli
Peso-meio-pesado: Sam Alvey x Rogério Minotouro
Peso-galo: Renan Barão x Andre Ewell
Peso-palha: Randa Markos x Marina Rodriguez

Card preliminar
Peso-leve: Charles do Bronx x Christos Giagos
Peso-leve: Evan Dunham x Francisco Massaranduba
Peso-meio-pesado: Luis Henrique KLB x Ryan Spann
Peso-pesado: Chase Sherman x Augusto Sakai
Peso-meio-médio: Ben Saunders x Serginho Moraes
Peso-mosca: Mayra Bueno x Gillian Robertson
Peso-médio: Thales Leites x Hector Lombard
Peso-meio-médio: Elizeu Capoeira x Luigi Vendramini
Peso-palha: Lívia Renata Souza x Alex Chambers

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade