Técnico de Sonnen analisa derrota para Fedor e fala de cambalhota: ‘Não sou fã’

    Sonnen foi nocauteado por Fedor no primeiro round do Bellator 208, na semi do GP dos Pesados (Foto Bellator MMA)

    Por Yago Rédua 

    No último dia 13, o russo Fedor Emelianenko derrotou Chael Sonnen por nocaute técnico no primeiro round e garantiu uma vaga na decisão do GP dos Pesados do Bellator. Após a disputa, especialistas de MMA e fãs nas redes sociais criticaram o jogo de chão do norte-americano na luta principal do Bellator 208. A TATAME conversou com Fabiano Pega-Leve, treinador do lutador, que fez uma análise sobre a performance do seu atleta.

    “A performance do Chael no chão, quando estava por cima, ele foi bem. A crítica da maioria dos especialistas vem por parte daquela cambalhota que ele deu para tentar fazer aquela posição do Marcelinho Garcia. É a maior parte da crítica. Mas teve um momento que ele derrubou, estava na meia-guarda, segurou o Fedor ali. O Chael fez o que pedi, que dali era para ir para a montada, mas o Fedor foi capaz de reverter a posição. Eu acredito, realmente, que o jogo de chão do Sonnen iria se mostrar mais eficiente nos próximos rounds, se tivesse conseguindo avançar, porque o Fedor não estaria tão explosivo”, contou.

    Ao longo do bate-papo, Fabiano, responsável pela Gracie Barra em Portland, nos Estados Unidos, detalhou a estratégia que foi traçada para a luta, a cambalhota que não deu certo do Sonnen, além de fazer uma análise sobre a final do GP entre o russo e Ryan Bader. Pega-Leve também revelou que Sonnen pretende participar do Mundial No-Gi da IBJJF, no fim deste ano, do ADCC em 2019 e que vai voltar para a divisão dos meio-pesados.

    Confira a entrevista na íntegra com Fabiano Pega-Leve:

    – Estratégia traçada para a luta

    Que o Fedor iria começar em um ritmo forte, nós já sabíamos. Eu tinha certeza disso, que ele iria tentar acabar a luta no primeiro round. Vindo forte e tentando colocar pressão. Nós não estávamos com medo de enfrentá-lo no chão, a estratégia era exatamente essa de botar ele para baixo e ficar por cima batendo. Logicamente, não ficando na guarda dele, porque os golpes que ele tem para finalizar vem tudo da guarda-fechada. Mas da meia-guarda, do 100kg, o Fedor não tem posições que finaliza. Ele tenta a kimura, no mais ele tenta sair e empurra a todo custo. Pelo histórico, faz muito tempo que ele não luta no chão, tem procurado sempre lutar em pé, fizemos a estratégia de lutar no chão. Porém, ele explodiu bastante e saiu de baixo nas vezes que precisou. Ele conseguiu mandar bem.

    – Opinião sobre a cambalhota

    Aquela cambalhota nas costas não é algo que eu sou fã. Quanto mais pesados os atletas são, a tendência é não funcionar. É muito difícil fazer o oponente rolar com você, se ele é pesado. Eu vi funcionar com atletas mais leves. Mas o Chael fez aquilo como última chance, porque ele sentiu que iria perder a posição das costas de qualquer maneira e tentou tirar o coelho da cartola. Acabou perdendo da mesma maneira. Mas esse golpe em uma posição para MMA ou lutadores mais pesados, eu não acredito muito na efetividade dele.

     

    Visualizar esta foto no Instagram.

     

    @mma_kratosfera (@get_repost) ・・・ С Победой, Богатырь Земли Русской ???? . Федя показал великолепный поединок, доказал, что есть ещё порох в пороховницах. Теперь финал с Бейдером, соперник очень тяжёлый, находится сейчас на пике своей формы. Было бы очень классно победить его и завершить карьеру на отличной ноте. Гордимся Тобой !!! ________________________________________________ #MMA #Россия #UFC #FightNight #Bellator #Bellator208 #M1 #ACB #FightNights #FedorEmelianenko #Спорт #Бокс #Wrestling #Boxing #Kickboxing #Кикбоксинг #Muaythai #ChaelSonnen #Thaiboxing #Karate #Каратэ #Combat #Самбо #Judo #BJJ #Power #Venum #Everlast #Борьба #MMAKRAtosfera

    Uma publicação compartilhada por .Е ?????? К. (@egorkolgan) em

    – Competições de submission

    Eu acredito que ele deve participar do ADCC novamente em 2019 e quer lutar o Mundial No-Gi, da IBJJF, agora em dezembro (dias 14 e 15). Nós vamos ver se isso acontece.

    – Retorno aos meio-pesados

    O próximo passo do Sonnen no Bellator é lutar de meio-pesado, que é a categoria dele. Ele lutou o GP dos Pesados a pedido do Bellator, mas não é a coisa dele de lutar como peso-pesado. Ele está feliz de voltar para a categoria, agora vamos ver o que o Bellator oferece na próximo luta. Deve acontecer lá para janeiro, no início do ano que vem provavelmente.

    – Análise da decisão do GP

    A minha análise da final é simples: o Bader sobrevivendo o primeiro e o segundo round vai vencer a luta. O Fedor não vai conseguir manter o ritmo por cinco rounds com o Ryan, principalmente se a luta for para o chão. Vejo o Fedor nocauteando no primeiro round, se isso não acontecer, a tendência é que deve ser o Bader ganhar quando a luta chegar nos rounds mais para frente. Ele está com um excelente técnico de Jiu-Jitsu, o Jair Lourenço, da Kimura, e o chão dele tem melhorado muito, então essa é a minha aposta para a luta.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome