Realizado no último fim de semana, entre os dias 26 e 28 de outubro, em Long Beach, na Califórnia (EUA), o Mundial de Jiu-Jitsu 2018 da SJJIF (Sport Jiu-Jitsu International Federation) foi um verdadeiro sucesso. Com disputas Gi & No-Gi, o evento contou com atletas de 72 nacionalidades e viu a dupla Keenan Cornelius e Tayane Porfírio repetir o feito do ano passado ao levar o ouro absoluto no adulto faixa-preta com quimono, enquanto as feras Kaynan Duarte e Luiza Monteiro brilharam nas disputas sem o pano.

Na briga pelo título do absoluto entre os homens, Keenan Cornelius encontrou Gustavo Braguinha, seu companheiro de equipe na Atos, na grande final. E com uma raspagem logo no início da luta, o americano, que disputou a competição com um chamativo cabelo azul, garantiu o ouro e a boa premiação de US$ 15 mil. Em festa da Atos, Kaynan Duarte, também representante da equipe de André Galvão, fechou o pódio com os três melhores.


Nas disputas por categoria, destaque para as conquistas de Lucas Pinheiro no pluma, Kennedy Maciel – filho da lenda Rubens Charles Cobrinha – nos leves, Gustavo Braguinha entre os pesados, Kaynan Duarte no super-pesado e Marcelo Lucena nos pesadíssimos.

A decisão do peso aberto entre as mulheres, por sua vez, contou com um reencontro entre Tayane Porfírio e Nathiely Jesus, e novamente a faixa-preta da Alliance saiu vitoriosa. Antes, Tayane, sem rivais, garantiu o ouro no peso-pesado – além de US$ 10 mil -, e Nathiely brilhou no meio-pesado ao bater Talita Treta, atualmente atleta do Bellator MMA. Nas demais divisões, vitórias de Nathalie Ribeiro no peso-pena e Luiza Monteiro no médio.

Confira os resultados completos do Mundial da SJJIF com quimono, aqui
Confira os resultados completos do Mundial da SJJIF sem quimono, aqui

https://www.instagram.com/p/Bpei2Z5H127/?hl=pt-br&taken-by=tayaneporfiriobjj

Dupla da Atos brilha sem o pano

Na parte No-Gi do Mundial da SJJIF, os faixas-preta da Atos, Kaynan Duarte e Luiza Monteiro, foram os grandes destaques. Enquanto Kaynan anotou o ouro duplo triunfando no super-pesado e no absoluto, Luiza venceu na divisão dos médios e desbancou Nathiely Jesus – campeã no meio-pesado – no peso aberto para sacramentar o seu segundo título.

Além da dupla, Lucas Pinheiro, também campeão com quimono, Samir Chantre, Johnny Tama, Manuel Filho e Gustavo “Braguinha” Batista completam os campeões sem o pano.

https://www.instagram.com/p/BpiYgZqhLvk/?hl=pt-br&taken-by=kaynanduarte

Vale lembrar que, além das disputas com e sem quimono, o Mundial da SJJIF também teve lutas para deficientes especiais e no modo de Parajiu-Jitsu. Para saber mais, clique aqui.

Confira a lista de campeões abaixo:

– Masculino adulto faixa-preta
Peso-galo: Cícero Ribeiro Saldanha – Ares BJJ
Peso-pluma: Lucas Pinheiro – Atos Jiu-Jitsu
Peso-pena: Kennedy Maciel – Alliance
Peso-leve: Johnny Tama – Alliance
Peso-médio: Edmund Kim – Art of Jiu-Jitsu
Peso-meio-pesado: Manuel Filho – Unity Jiu-Jitsu
Peso-pesado: Gustavo “Braguinha” Batista – Atos Jiu-Jitsu
Peso-super-pesado: Kaynan Duarte – Atos Jiu-Jitsu
Peso-pesadíssimo: Marcelo Lucena – Ralph Gracie Jiu-Jitsu
Absoluto: Keenan Cornelius – Atos Jiu-Jitsu

– Feminino adulto faixa-preta
Peso-pena: Nathalie Ribeiro – Checkmat
Peso-médio: Luiza Monteiro Moura – Atos Jiu-Jitsu
Peso-meio-pesado: Nathiely Jesus de Melo – Unity Jiu-Jitsu
Peso-pesado: Tayane Porfírio de Araújo – Alliance
Absoluto: Tayane Porfírio de Araújo – Alliance

– Masculino adulto faixa-preta No-Gi
Peso-pluma: Lucas Pinheiro – Atos Jiu-Jitsu
Peso-pena: Samir Chantre – Ares BJJ
Peso-médio: Johnny Tama – Alliance
Peso-meio-pesado: Manuel Filho – Unity Jiu-Jitsu
Peso-pesado: Gustavo “Braguinha” Batista – Atos Jiu-Jitsu
Peso-super-pesado: Kaynan Duarte – Atos Jiu-Jitsu
Absoluto: Kaynan Duarte – Atos Jiu-Jitsu

– Feminino adulto faixa-preta No-Gi
Peso-médio: Luiza Monteiro Moura – Atos Jiu-Jitsu
Peso-meio-pesado: Nathiely Jesus de Melo – Unity Jiu-Jitsu
Absoluto: Luiza Monteiro Moura – Atos Jiu-Jitsu