‘Eu sou a pressão e ela vai sentir isso’, aposta Cyborg para disputa de título contra Amanda Nunes no UFC 232

    Cris Cyborg enfrenta Amanda Nunes no dia 29 de dezembro, pelo UFC 232 (Foto Jeff Bottari / Zuffa LLC)

    Cris Cyborg participou da coletiva de imprensa do UFC 232, realizada em Nova York (EUA), na última sexta-feira (2), para comentar sobre a sua defesa do cinturão peso-pena feminino contra Amanda Nunes, que acontecerá no evento do dia 29 de dezembro.

    Na coletiva em questão, a curitibana, que vai para sua terceira defesa de título, analisou o combate contra Amanda, citando que a sua “pressão” será um ponto chave para a vitória.

    “Eu treino para tudo, eu tenho cinco rounds. Assisti algumas lutas da Amanda e sei que ela gosta de pressionar, mas não gosta de quando lutadores a pressionam. Eu sou a pressão. Quando ela der o melhor soco em mim, eu serei a pressão, ela vai sentir isso”, declarou a brasileira, que tem 33 anos e um cartel de 20 vitórias e apenas uma derrota no MMA.

    Cyborg também falou sobre as dificuldades de arranjar uma data para a realização do duelo contra a “Leoa”, campeã dos galos. Cris revelou que assinou contrato para lutar no UFC 228, que aconteceu em setembro, e que a luta já tinha sido oferecida anteriormente.

    “A primeira coisa que o UFC fez foi ligar para mim e para o meu treinador para lutar contra a Amanda no dia 8 de setembro. E outra vez tinham ligado para enfrentar a Amanda com três semanas de antecedência, em julho, e nada aconteceu. Eu aceitei lutar com ela em setembro, depois dela ter me desafiado seis meses antes e ter dito que assinei para lutar em dezembro. Se você não vai lutar, eu não tenho outra opção sem ser treinar e esperar”.

    3 COMENTÁRIOS

    1. CREIO QUE A AMANDA FICARÁ ALGUNS DIAS EM TRATAMENTO MÉDICO APÓS A LUTA. ELA NÃO TEM A MÍNIMA CHANCE. ELA PAGARÁ CARO POR TER DESAFIADO A CYBORG. JÁ DÁ ATÉ PARA PERCEBER O SEMBLANTE DE MEDO NO SEU ROSTO. PARECE QUE A FICHA, FINALMENTE, CAIU !

      • Essa mulher é muito mais homem que muito homem aí que teriam medo da cyborg e só criticam as lutadoras do UFC que tem coragem de lutar contra qualquer atleta. A Amanda pode até perder mas não tira o mérito de sua coragem de enfrentar a Cyborg. Só que vence que se arrisca o babaca!
        Tenho certeza absoluta que mesmo se fosse pra ganhar 1 milhão de reais um cu sujo como você iria correr da Cyborg. Bunda mole, falador, cuzão do caralho!

    2. A mola mestra desse embate são os US$$$$$ As duas devem ter assinado um contrato milionário para realizarem essa luta. Portanto, não importando quem ganhe, os cofrinhos vão estar cheios….

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome