Pronto pra guerra, Maiquel Falcão projeta vitória em estreia no Oktagon MMA e longa carreira no evento

    Experiente, brasileiro Maiquel Falcão tem passagem por eventos como UFC, Bellator e muitos outros (Foto divulgação)

    Maiquel Falcão estreou no MMA em 2004 e, de lá pra cá, passou por eventos como UFC, Bellator, KSW e M-1, construindo um cartel com 52 lutas, das quais conquistou 39 vitórias. Passados 14 anos depois de seu debute, ele continua lutando em alto nível e, no próximo dia 17 de novembro, terá mais uma oportunidade de mostrar seu talento. Contratado pela organização Oktagon MMA, uma das que mais cresce na Europa, ele fará sua estreia na décima edição do show na República Tcheca, contra o ex-campeão do Bellator Attila Vegh.

    “Estou muito muito feliz em lutar neste evento. Meus treinos foram muito intensos. Treinei muito bem em pé e também a parte de chão. Estou pronto e contando os segundos para essa luta. O Attila foi campeão dos meio-pesados do Bellator e eu fui campeão do torneio dos meio-pesados. Então, fiquei muito animado quando me ofereceram esta luta. Será uma verdadeira guerra entre dois leões”, enalteceu o atleta da MTK Global sobre seu oponente.

    Das 39 vitórias que Falcão conquistou na carreira, 25 delas foram por nocaute e sete por finalização. Já o eslovaco, que possui 41 lutas de MMA, venceu dez por nocaute e 12 por finalização. O brasileiro sabe das qualidades do adversário e o que precisa fazer para ter o seu braço erguido no final do duelo. A expectativa é vencer, convencer e seguir no evento.

    “Eu sei que o Atilla é um trocador e tem um bom nível de chão, mas eu estou preparado. Hoje não sou apenas um striker, sou faixa-preta de Luta Livre do Marcelo Brigadeiro e estou pronto para lutar tanto em pé quanto no chão. Claro que o fato de ser a minha estreia no evento, enquanto ele fará a sua terceira luta na organização, pesa um pouco. Mas, como eu disse anteriormente, estou pronto. Sou experiente e sei o que preciso fazer na luta. Espero sair com a vitória e seguir carreira no evento”, encerrou o brasileiro, que entrará em ação pelo Oktagon 10 em card a ser realizado em Praga, na República Tcheca.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome