Com boa atuação, Ponzinibbio nocauteia Magny no UFC Argentina; brasileiro tem grande estreia

    Santiago Ponzinibbio nocauteou Magny no quarto round na luta principal (Foto Getty Images / UFC)

    O público argentino recebeu um card de alto nível neste sábado (17), com o primeiro evento do UFC realizado no país, em Buenos Aires. Na luta principal, a torcida foi agraciada com uma grande atuação do ídolo local Santiago Ponzinibbio, que nocauteou Neil Magny no quarto round. No co-main event, Ricardo Lamas levou a melhor sobre Darren Elkins.

    No card principal, outro grande destaque foi Johnny Walker. O brasileiro teve uma estreia impactante e nocauteou Khalil Rountree no primeiro assalto. Seus compatriotas, no entanto, foram derrotados. Cezar Mutante foi superado por Ian Heinisch por decisão unânime, enquanto Poliana Botelho acabou finalizada por Cynthia Calvillo num mata-leão.

    No card preliminar, outros três brasileiros entraram em ação. Com um Jiu-Jitsu de excelência, Michel Trator e Alexandre Pantoja finalizaram, ainda no primeiro round, Bartosz Fabinski e Ulka Sasaki, respectivamente. Já na primeira luta da edição, em sua estreia na organização, Anderson Berinja teve boa atuação, mas foi derrotado por Nad Narimani.

    Ponzinibbio tem grande atuação e bate Magny

    Apoiado pela torcida local, Santiago Ponzinibbio partiu pra cima de Neil Magny desde os primeiros segundos e, mesmo com menor envergadura, pressionou o americano contra a grade, conectando bons golpes na luta em pé e levando clara vantagem nos primeiros cinco minutos. No segundo round, o argentino manteve sua estratégia ofensiva e, com bons socos e chutes, frustrava as ações de Magny, que apesar da resistência, não atacava.

    No terceiro assalto, Santiago seguiu com sua “blitz” e, repetindo o roteiro dos rounds anteriores, pressionou Neil contra a grade. Além disso, os chutes de Ponzinibbio surtiam cada vez mais efeito, fazendo seu adversário mancar. Na quarta parcial, o americano já apresentava dificuldades na movimentação, resultado dos fortes chutes recebidos na perna esquerda. O “Gente Boa”, desta forma, definiu o confronto. Logo após aplicar mais um chute baixo, o lutador encaixou um forte golpe de direita, que pegou em cheio no queixo do americano, que já caiu nocauteado para delírio da torcida argentina presente na arena.

    Ponzinibbio teve atuação brilhante na luta em pé e nocauteou Neil Magny (Foto Getty Images / UFC)

    Lamas nocauteia Elkins e se recupera no UFC

    Ricardo Lamas e Darren Elkins fizeram um combate equilibrado no primeiro round, com boas ações de ambos na luta em pé. Na reta final, Elkins encontrou uma brecha e, com técnica, conseguiu uma queda. No segundo assalto, Lamas tentou levar a luta para o chão logo no início, mas não teve sucesso. Na sequência, os dois lutadores trocaram posições no solo e empolgaram o público. O confronto voltou a ficar em pé e Ricardo aplicou uma forte joelhada, que balançou seu oponente. Elkins se mostrou bem vulnerável, no entanto, conseguiu suportar a pressão exercida por Lamas até o final da parcial no co-main event.

    No terceiro round, os dois lutadores mostravam desgaste, todavia, Lamas fez valer sua superioridade técnica. Com mais golpes ao longo da luta, o ex-desafiante ao cinturão dos penas sacramentou a vitória após uma sequência de socos, que obrigou o árbitro a interromper o confronto. Com o triunfo por nocaute técnico, Lamas volta a vencer no UFC.

    Ricardo Lamas nocauteou Darren Elkins e voltou a vencer no Ultimate (Foto Getty Images / UFC)

    Johnny Walker tem estreia de gala no Ultimate

    Vindo do “Contender Series Brasil”, Johnny Walker teve uma estreia de gala no Ultimate. Aliando calma e até uma certa descontração, brincando com Khalil Rountree ao receber os primeiros golpes, o brasileiro encontrou a distância e, na primeira oportunidade que teve, aplicou soco certeiro, forçando seu adversário a ir para a grade. Logo na sequência, o carioca buscou o clinch e, com perfeição, aplicou duas fortes cotoveladas em Rountree, que já caiu nocauteado no solo. Foi a 14ª vitória do brasileiro na carreira, a primeira no UFC.

    Esbanjando técnica e carisma, Johnny Walker teve grande estreia (Foto Getty Images / UFC)

    Cezar Mutante é superado por estreante

    Após um começo de estudo, Cezar Mutante foi o primeiro a tomar as ações e conseguiu derrubar Ian Heinisch. A luta voltou a ficar em pé rapidamente e seguiu bem equilibrada. O brasileiro, logo depois, tentou novamente a queda, mas deixou seu pescoço exposto e, com isso, sofreu uma tentativa de guilhotina, bem defendida. Na reta final, Ian ainda buscou um armlock, mas o primeiro round chegou ao fim. No segundo assalto, Mutante conseguiu nova queda nos primeiros segundos, todavia, mesmo por baixo, Heinisch mostrava-se perigoso. Antes do término da segunda parcial, o confronto voltou a ficar em pé, e nos últimos segundos, Cezar sofreu um knockdown, aumentando sua desvantagem.

    No terceiro e último round, Mutante manteve sua estratégia ao tentar derrubar Ian, mas não tinha êxito. O brasileiro voltou a receber um forte soco e, na sequência, foi “quedado”, recebendo uma sequência de golpes duros no ground and pound no chão. A luta voltou a ficar em pé e, bem desgastado, o brasileiro não ofereceu mais perigo ao oponente, sendo derrotado na decisão unânime dos jurados por Ian, que estreou com vitória no Ultimate.

    Em sua estreia no UFC, Ian Heinisch levou a melhor sobre Cezar Mutante (Foto Getty Images / UFC)

    Poliana é finalizada e perde a primeira no UFC

    Poliana Botelho e Cynthia Calvillo começaram o duelo explorando a luta em pé, com a brasileira controlando bem a distância. Ao aplicar um chute, porém, a mineira acabou sendo derrubada por Cynthia, que com técnica na luta de chão, anulou as ações de Poliana e, com grande domínio, soube esperar o momento certo para finalizar a luta com um mata-leão ainda no primeiro assalto. Em sua terceira luta no Ultimate, Botelho perdeu a primeira organização, enquanto Calvillo volta a vencer na franquia após revés para Carla Esparza.

    Cynthia Calvillo foi dominante na luta de chão e finalizou Poliana Botelho (Foto Getty Images / UFC)

    Embalado, Trator vence a oitava luta seguida

    Michel Trator fez jus ao seu apelido e “passou por cima” de Bartosz Fabinski. Logo nos primeiros segundos, o brasileiro acertou uma bomba de direita no adversário, que foi ao solo. Sem dar brechas, o paraense grudou em Fabinski e aplicou golpes no ground and pound. Bartosz ainda tentou escapar e inverter a posição, mas com isso, deu espaço para Trator encaixar uma justa guilhotina, que levou seu oponente a dar os três tapinhas. Foi a oitava vitória consecutiva de Michel em sua busca por vaga no Top 15 dos meio-médios.

    Michel Trator finalizou ainda no primeiro round e emplacou oitava vitória seguida (Foto Getty Images / UFC)

    Pantoja finaliza japonês no primeiro round

    Logo nos primeiros segundos, a luta foi para o chão e, por baixo, Alexandre Pantoja aplicou um triângulo sobre Ulka Sasaki, que escapou do golpe. O japonês aplicou socos no ground and pound, mas novamente foi envolvido pelo brasileiro, que grudou nas costas do seu oponente e, esbanjando técnica, finalizou Sasaki ainda no primeiro round com um mata-leão, emplacando sua segunda vitória consecutiva no UFC pela divisão dos moscas.

    Alexandre Pantoja finalizou seu adversário no primeiro round no card preliminar (Foto Getty Images / UFC)

    Berinja faz boa luta, mas perde em sua estreia

    O confronto começou bem agitado, com Nad Narimani partindo para cima de Anderson Berinja. O brasileiro aceitou a trocação franca e também acertou alguns golpes. O duelo seguiu em pé, onde Narimani mostrou mais técnica e, com domínio, foi superior no primeiro round. No segundo assalto, o brasileiro, que fez sua estreia no Ultimate, acertou dois bons socos nos primeiros segundos. Com mais uma boa sequência de golpes, Berinja balançou Nad, mas ao tentar derrubá-lo, viu seu adversário reverter a posição e ficou por baixo até o final da parcial, recebendo duros golpes de Narimani no ground and pound.

    No terceiro round, ciente da desvantagem, Anderson Berinja, logo nos primeiros minutos, puxou para a guarda e tentou uma guilhotina, que foi bem defendida por Narimani. O combate voltou a ficar em pé e os dois lutadores travaram momentos emocionantes, onde ambos aplicaram ótimos golpes e empolgaram o público. Ao final do duelo, no entanto, Narimani voltou a derrubar o brasileiro e, com isso, levou a vitória por decisão unânime.

    Em sua estreia, Anderson Berinja foi derrotado na decisão unânime (Foto Getty Images / UFC)

    RESULTADOS COMPLETOS:

    UFC Fight Night 140
    Buenos Aires, na Argentina
    Sábado, 17 de novembro de 2018

    Card principal
    Santiago Ponzinnibio derrotou Neil Magny por nocaute no 4R
    Ricardo Lamas derrotou Darren Elkins por nocaute técnico no 3R
    Johnny Walker derrotou Khalil Rountree por nocaute no 1R
    Ian Heinisch derrotou Cezar Mutante por decisão unânime dos jurados
    Marlon Vera finalizou Guido Cannetti com um mata-leão no 2R
    Cynthia Calvillo finalizou Poliana Botelho com um mata-leão no 1R

    Card preliminar
    Michel Trator finalizou Bartosz Fabinski com uma guilhotina no 1R
    Alexandre Pantoja finalizou Ulka Sasaki com um mata-leão no 1R
    Austin Arnett derrotou Humberto Bandenay por decisão unânime dos jurados
    Laureano Staropoli derrotou Hector Aldana por decisão unânime dos jurados
    Jesús Pinedo derrotou Devin Powell por decisão unânime dos jurados
    Nad Narimani derrotou Anderson Berinja por decisão unânime dos jurados

    1 COMENTÁRIO

    1. Um bom evento, com algumas interrogações: o que é que o lutador meia boca Mutante ainda está fazendo no UFC ? Por que o Michel Trator com 8 vitórias consecutivas ainda não atingiu uma posição de respeito no ranking ? E também com algumas observações: O Ponzinibbio já está merecendo disputar o cinturão, a Poliana precisa falar menos (o cinturão vai ser meu) e treinar mais e , finalmente , o UFC precisa dar mais atenção ao Pantoja e agora ao Johnny Walker, o uísque que luta ! rs

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome