Tito Ortiz ‘lava a alma’ em trilogia contra Chuck Liddell e nocauteia rival no round inicial; assista

Publicado em 25/11/2018 por: Diogo Santarém
Tito Ortiz ‘lava a alma’ em trilogia contra Chuck Liddell e nocauteia rival no round inicial; assista Nocauteado por Tito Ortiz, Liddell foi suspenso por tempo indeterminado (Foto Getty Images)

publicidade

Em um duelo de lendas do MMA mundial realizado no último sábado (24), quem levou a melhor foi Tito Ortiz em sua trilogia com Chuck Liddell. Cerca de 12 anos após o último combate entre eles, os dois veteranos voltaram a se encontrar na luta principal do evento Golden Boy MMA – promovido pelo lendário boxeador Oscar de la Hoya – e Tito saiu vencedor por nocaute ainda no primeiro round, superando pela primeira vez o adversário.

O triunfo que “lavou a alma” de Ortiz – até então, o placar era de duas vitórias para Liddell nos encontros entre eles – veio no fim do assalto inicial. Após encontrar a distância, o “Bad Boy” de Huntington Beach encurralou Chuck na grade e acertou uma sequência de socos fulminante que logo levou o “Iceman” ao chão, forçando a interrupção por parte do árbitro.

Em entrevista pós-luta, ainda no cage, os dois veteranos demonstraram respeito um pelo outro e comentaram sobre o combate. Ortiz ainda aproveitou para exaltar a organização.

“Se vocês (lutadores) querem receber um dinheiro justo pelas lutas, eu garanto que essa é a organização. Queria me testar, mas sabia que ia vencê-lo na trocação. Liddell, você me fez muito bem, me fez treinar como nunca, estou em uma forma física excelente. No final do dia, eu te respeito muito e reconheço como um grande campeão”, afirmou Tito Ortiz.

Já Liddell, que voltou a lutar após oito anos afastado, evitou falar em nova aposentadoria e deixou seu futuro em aberto: “Eu não quero pensar nisso agora. Quero dizer, eu não estou no meu melhor estado mental para falar sobre o que eu vou fazer ou não. Mas eu me senti bem lá (no cage) e me diverti, então vamos ver o que acontece”, disse o atleta de 48 anos.

Tibau volta a vencer após deixar o UFC

Único brasileiro no evento, Gleison Tibau reencontrou o caminho das vitórias. Dispensado pelo UFC em junho deste ano, o peso-leve acertou com a Golden Boy Promotions para enfrentar o também ex-Ultimate Efrain Escudero, e não decepcionou. Com um ajustado jogo de quedas e segurança na luta em pé, Tibau venceu por decisão unânime dos jurados.

O resultado encerrou uma série negativa de quatro lutas do brasileiro, que agora, aos 35 anos, ostenta um cartel com 34 resultados positivos e 14 derrotas no MMA profissional.

RESULTADOS COMPLETOS:

Golden Boy MMA
Inglewood, na Califórnia (EUA)
Sábado, 24 de novembro de 2018

Card principal
Tito Ortiz derrotou Chuck Liddell por nocaute no 1R
Deron Winn derrotou Tom Lawlor por decisão unânime dos jurados
Gleison Tibau derrotou Efrain Escudero por decisão unânime dos jurados
Ricardo Palacios derrotou Walel Watson por nocaute no 1R
James Barnes finalizou Albert Morales com uma chave de braço no 3R
Jay Silva derrotou Oscar Cota com uma ‘finalização técnica’ no 3R

Card preliminar
Fernie Garcia finalizou Joe Roye com um mata-leão no 1R
Francisco Estrada finalizou Jose Huerta com um mata-leão no 2R
Johny Cisneros derrotou Dave Terrel por decisão unânime dos jurados

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade