Após punição menor por briga, Conor agradece e quer ‘voltar em breve’; veja

    Conor McGregor estará liberado para voltar a lutar em breve no UFC (Foto: Getty Images)

    Julgado na última terça-feira (29) pela Comissão Atlética de Nevada, Conor McGregor viu sua punição ser menor em relação a Khabib Nurmagomedov. O russo foi multado em US$ 500 mil (cerca de R$ 1,8 milhão) e recebeu um gancho de nove meses. Porém, caso faça campanha antibullying no estado de Nevada (EUA), a pena será reduzida para seis meses. Já o irlandês terá que pagar uma multa de US$ 50 mil (aproximadamente R$ 180 mil) e está suspenso por seis meses do octógono.

    O gancho dos dois lutadores, cabe ressaltar, é retroativo a data do evento. Ou seja, caso os atletas cumpram os seis meses de suspensão, estarão aptos a retornar ao octógono do Ultimate a partir do dia 6 de abril.

    Pelas redes sociais, “The Notorious” mostrou-se satisfeito com a pena que lhe foi aplicada. Além disso, agradeceu à Comissão Atlética de Nevada e declarou que espera retornar ao octógono em breve.

    “Estou agradecido à Comissão Atlética de Nevada pela forma como analisou e geriu o incidente. Não era meu objetivo acertar o derradeiro golpe dessa noite num familiar do meu oponente, mas foi assim que aconteceu. Espero voltar a competir em breve. Obrigado a todos”, escreveu o ex-campeão, referindo-se à invasão do primo de Khabib ao cage logo depois do final da luta, onde ambos trocaram agressões antes da intervenção da segurança do evento.

    1 COMENTÁRIO

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome