Adriano Moraes visa cinturão e quer fazer história em trilogia no One FC: ‘Não deixar nas mãos dos juízes’

Publicado em 24/01/2019 por: Nilmon

publicidade

Por Vitor Freitas

Adriano Moraes vai fazer sua primeira trilogia na carreira nesta sexta-feira (25), em Manila, nas Filipinas. O lutador da ATT busca recuperar o cinturão dos moscas contra Geje Eustaquio no One Championship. Até o momento, cada um registra uma vitória no duelo. Em 2014, no primeiro encontro, o brasileiro foi ágil e usou a guilhotina para despachar “Gravity”. Já em junho de 2018, quatro anos depois, o filipino levou na decisão dividia.

Para esta nova luta, Adriano quer vencer e, mais importante que tudo, convencer: “Eu sempre lutei bem contra o Eustaquio. A primeira luta, finalizei e a segunda eu venci também, mas deram para ele. O Chatri, CEO do One, também viu minha vitória e me deu o revanche imediata. Vejo uma luta dura e muito movimentada. Dessa vez, vou fazer o possível para não ir para mão dos juízes”, analisou Moraes, que logo em seguida, falou da jornada em que vive no One, além de fazer uma das principais rivalidades do evento.

“Primeiramente, para mim, é uma honra poder fazer a primeira trilogia do evento. É fazer história nessa organização, que vem crescendo cada ano. Estou muito feliz e confiante na vitória, espero dar um grande show nesta sexta-feira”, projetou o faixa-preta de Jiu-Jitsu.

Adriano, atleta do plantel do One desde 2013, comentou o crescimento da organização e os planos para o futuro. O brasileiro destacou o início da franquia dentro do mercado dos Estados Unidos e o foco em participar do GP dos moscas, que terá Demetrious Jonhson, recordista em defesas de cinturão do UFC, como um dos principais nomes das disputas.

“O One tem crescido muito, eu vi de perto isso. Estou na organização há 5 anos e o crescimento é muito notável. O mercado asiático já está tomado e agora vem se expandindo para a América. O One fez grandes contratações e fecharam muitas parcerias e uma delas foi com a TNT, uma das maiores emissoras de televisão dos Estados Unidos. Vamos dar o pontapé inicial do ano nesta sexta-feira e espero vencer para entrar no GP, em março, com tudo. Esse ano promete. o futuro está nas mão de Deus”, encerrou.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Instagram
Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade