Erberth, Hulk, Wardzinski, Bia Basílio e Gabi Pessanha se destacam na etapa da Abu Dhabi do Grand Slam

Publicado em 11/01/2019 por: Nilmon
Erberth, Hulk, Wardzinski, Bia Basílio e Gabi Pessanha se destacam na etapa da Abu Dhabi do Grand Slam

publicidade

A quarta etapa do Grand Slam de Jiu-Jitsu da UAEJJF na temporada 2018/2019 coroou seus campeões na faixa-preta nesta sexta-feira (11), em Abu Dhabi (EAU). Mantendo a tradição de lutas sempre emocionantes, as finais animaram o público que lotou a arena.

Confira abaixo um resumo de cada categoria e como foram as trajetórias dos campeões nesta edição, que é a penúltima na atual temporada da UAE Jiu-Jitsu Federation.

Adulto – Faixa-preta – masculino

56kg – Bebeto Oliveira lutou duas vezes para conquistar a sua segunda medalha de ouro na temporada. O faixa-preta começou finalizando Frederico Guimarães na semifinal. Seu adversário na final foi Massaki Todokoro, que bateu Jorge Nakamura por 2 a 1 nas vantagens. Na decisão, Bebeto impôs seu jogo e construiu o placar de 10 a 0 nos pontos.

62kg – Hiago George é outro que foi campeão no Rio e voltou a brilhar em Abu Dhabi. Ele lutou três vezes para ganhar a medalha dourada. A estreia foi com uma vitória por 2 a 1 nas vantagens sobre Pedro Clementino. Na semifinal, finalizou com arco e flecha o oponente Gabriel Frenhan. Do outro lado da chave, João Miyao lutou uma vez para bater o russo Isa Karasanov por 2 a 0 nos pontos. Na final, depois de um empate em 8 a 8 nos pontos, Hiago levou o ouro com uma estreita vantagem de 1 a 0.

69kg – Paulo Miyao está de volta! O casca-grossa lutou três vezes para conquistar a medalha de ouro em Abu Dhabi. A primeira luta foi contra de Jordan Abdullah Nabas, quando venceu por 11 a 2 nos pontos. Na semifinal, Miyao pegou Daniel Santana com um estrangulamento pelas costas. Por outro lado, Tiago Bravo teve a estratégia perfeita para fazer o seu caminho até a decisão. Em duas lutas, ele bateu Hilton Silva na decisão dos árbitros e João Gabriel Sousa por uma penalidade. Valendo a medalha de ouro, Miyao acelerou o ritmo até pegar as costas e fechar a luta com um arco e flecha.

77kg – Depois de vencer em Tóquio, na abertura da temporada, Diego Ramalho está de volta ao topo. A caminhada começou contra o italiano Alexandre Molinaro com uma vitória por 2 a 0 nos pontos. Em seguida, superou Marcos Paulo Costa por 3 a 2 nas vantagens. Já na outra chave, o australiano Levi Jones-Leary surpreendeu e se garantiu na decisão. O faixa-preta da Oceania primeiro bateu Adriano Araujo por 6 a 2 nos pontos e, na sequência, pegou as costas de Roberto Satoshi para vencer por 4 a 0. Na decisão, Ramalho não deu brechas, impôs o seu jogo e venceu Levi por 2 a 1 nas vantagens.

85kg – Lucas Hulk trabalhou duro na divisão mais cheia nesta edição do Grand Slam. O lutador da Atos Jiu-Jitsu estreou com uma vitória por 2 a 0 nos pontos sobre Igor Sousa. Na semifinal, diante de Manuel Ribamar, conseguiu avançar com uma vantagem de 1 a 0. Do outro lado, Rudson Mateus, na primeira luta, encarou ninguém menos que Gabriel Arges e venceu por 2 a 1 nas vantagens. Na semi, o manauara finalizou Bradley Hill com um armlock. Já a aguardada final teve uma batalha muito tática que terminou com um empate 0 a 0. Barbosa levou o título para casa após a decisão dos árbitros.

94kg – Adam Wardzinski teve o primeiro compromisso contra Matheus Godoy, em seguida, bateu Zayed Al Kaabi através W.O. O último desafio foi contra o brasileiro Renato Cardoso, que chegou à final com uma vitória por 20 a 0 nos pontos sobre Oriones Netto e, na sequência, com uma vantagem de 2 a 0 sobre Helton Júnior na semifinal. Com a medalha de ouro em jogo, Adam fez o seu trabalho e construiu um placar de 2 a 1 em vantagens, o que foi suficiente para levar para casa a tão sonhada medalha de ouro.

 

Visualizar esta foto no Instagram.

 

Na manhã desta sexta-feira (11), no horário de Brasília, aconteceram as finais na faixa-preta do Grand Slam de Abu Dhabi (EAU). Entre os homens, os campeões foram: @bebetooliveira_jj, @hiagogeorge, @paulomiyao, @diegosemnocao, @lucasbarbosajj (foto), @wardziak_bjj e @erberthsantos. Oss! (? @adwjjt). .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ? www.tatame.com.br⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ .⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ #jiujitsu #bjj #brazilianjiujitsu #oss #tatame #artesuave #blackbelt #luta #fight #fighter #fighting #jiujitsulife #jiujitsuparatodos #bjjlife #bjj4life #bjjgirls #jiujitsugirls #mulheresnotatame #nogi #brownbelt #bluebelt #purplebelt #jiujitsuforlife #submission #uaejjf #adgs #abudabhigrandslam

Uma publicação compartilhada por Revista TATAME (@tatameoficial) em

110kg – Erberth Santos conquistou a terceira medalha de ouro na temporada de 2018/2019 do Grand Slam. Favorito na divisão, o brasileiro venceu Paulo Pinto por 2 a 0, após conseguir uma queda. O adversário na final foi o conhecido rival Ricardo Evangelista, que superou Rodrigo Ribeiro na decisão dos árbitros para se garantir na decisão. Na final, com uma vantagem de 1 a 0, o Erberth levou o tri na temporada.

ADULTO – faixa-marrom/preta – feminino

55kg – Ariadne Oliveira lutou duas vezes para faturar a medalha de ouro. A caminhada começou com um triunfo sobre Sayuri Toledo através de uma chave de pé. Do outro lado, Mayssa Bastos, que subiu da divisão até 49kg, venceu Amal Anjahid por 6 a 0 nos pontos. A decisão pelo ouro foi decidida por 2 a 0 nas vantagens para Ariadne.

62kg – Duas lutas e duas finalizações foram o suficiente para Bia Basílio conquistar a categoria. A paulista primeiro bateu Hope Douglas com uma chave de pé. Sua oponente na decisão foi Dayane Bazzoni que chegou a disputa do ouro após finalizar Sabryne Cruz. Na final, Bianca trabalhou seu caminho para as costas e finalizou com um arco e flecha.

70kg – Quem para Thamara Silva? A faixa-marrom estreou com um armlock contra a polonesa Magdalena Loska. Na outra chave, Samantha Cook superou por 7 a 0 a venezuelana Veronica Macedo. A final foi um duelo emocionante. Perdendo por 2 a 0 nos pontos, Thamara foi com tudo e virou o marcador para 4 a 2, para garantir o título.

90kg – Com três atletas na categoria, Gabi Pessanha e Nathiely de Jesus venceram Marcelle Cantanhede para chegarem a decisão. A batalha pela medalha de ouro foi muito apertada e Gabi ganhou o quarto título da temporada com uma vantagem de 1 a 0 após empate 4 a 4 nos pontos. A lutadora da Infight/MD vem com 100% de aproveitamento.

O Grand Slam de Abu Dhabi retorna neste sábado (12), para o último dia. O destaque será o King of Mats na divisão dos médios, que vai reunir grandes nomes da modalidade.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade