Demian comenta ‘recepção calorosa’ em Fortaleza e pede apoio da torcida: ‘Essa energia é o mais importante’

    Demian quer deixar a má fase para trás derrotando Lyman Good pelo evento em Fortaleza (Foto Getty Images / UFC)

    A fase não é boa. Por isso, Demian Maia aposta na força da torcida para deixar as três derrotas seguidas que acumulou pra trás neste sábado (2), quando enfrenta o americano Lyman Good em casa, lutando no Brasil, pelo card principal do UFC Fortaleza, no Ceará.

    Especialista no jogo de chão, o faixa-preta de Jiu-Jitsu perdeu recentemente para o atual campeão Tyron Woodley, Colbi Covington e Kamaru Usman, todos wrestlers. Por isso, revelou em entrevista à TATAME que buscou amigos fora do Brasil para afiar essa parte.

    “Minha preparação foi treinando muito na minha academia, como sempre, um pouco de Wrestling fora do Brasil também, treinei com uns amigos. Fiz o meu melhor a cada dia, deixando tudo de mim no tatame”, afirmou Demian, que como de costume, vai usar o Jiu-Jitsu para tentar derrotar Good e conquistar sua 26ª vitória como lutador profissional.

    “Eu sempre acredito que vou achar uma brecha pra clinchar, colocar uma queda e tal. Óbvio que às vezes você pode ir um pouco mais para a trocação, mas sempre buscando o objetivo final, que é levar a luta para o chão”, disse o brasileiro, ressaltando ainda a importância do apoio da torcida nordestina na hora da luta, como um combustível extra.

    “Recepção muito calorosa. Já no aeroporto muitas pessoas vieram falar, o pessoal aqui gosta bastante de lutas, é bem legal. Acho que de tudo o que eu sinto agora (antes da luta), isso é o que mais me influencia. Essa energia que o público tem passado, isso aí pra mim é o mais importante. A hora que eu entro no octógono preciso focar 100% no meu adversário porque é a luta, né, então as coisas acontecem muito rápido, preciso tomar cuidado para não me desconcentrar com essa torcida tão grande, mas é ótimo esse apoio”.

    CARD COMPLETO:

    UFC Fight Night 144
    Centro de Formação Olímpica, em Fortaleza (CE)
    Sábado, 2 de fevereiro de 2019

    Card principal
    Peso-galo: Raphael Assunção x Marlon Moraes
    Peso-pena: José Aldo x Renato Moicano
    Peso-meio-médio: Demian Maia x Lyman Good
    Peso-leve: Charles do Bronx x David Teymur
    Peso-meio-pesado: Johnny Walker x Justin Ledet
    Peso-palha: Livinha Souza x Sarah Frota

    Card preliminar
    Peso-médio: Anthony Hernandez x Markus Maluko
    Peso-mosca: Mara Romero Borella x Taila Santos
    Peso-meio-médio: Thiago Pitbull x Max Griffin
    Peso-pesado: Júnior Albini x Jairzinho Rozenstruik
    Peso-galo: Ricardo Carcacinha x Said Nurmagomedov
    Peso-mosca: Magomed Bibulatov x Rogério Bontorin
    Peso-pena: Geraldo de Freitas x Felipe Cabocão

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome