Através de projeto, Matheus Serafim levará o Jiu-Jitsu para a maior comunidade de São Paulo; confira

    Matheus Serafim levará o projeto em parceria com o Apóstolo Estevam, em Heliópolis (Foto divulgação)

    Por Mateus Machado

    Ex-lutador e faixa-preta de Jiu-Jitsu, Matheus Serafim segue diretamente envolvido com o mundo da luta. Além de brigar pelo “renascimento” do esporte no Brasil, com foco nos eventos nacionais, o paulista também é um dos responsáveis pelo “maior projeto social de Jiu-Jitsu do país”, segundo ele. Trata-se do “Lutar para Vencer”, realizado em São Paulo.

    Nesta quinta-feira (7), através do seu projeto, Matheus fará a alegria de mais centenas de crianças por meio da arte suave. Em parceria com a igreja Renascer, o faixa-preta vai trazer para Heliópolis, que se destaca por ser a maior comunidade da cidade de São Paulo, tudo de melhor que o Jiu-Jitsu pode oferecer para crianças e jovens carentes do local.

    “Trata-se do projeto ‘Lutar para Vencer’, que será desenvolvido na comunidade de Heliópolis. É a maior comunidade de São Paulo. Já existe lá, há uns 15 ou 20 anos, um núcleo da igreja Renascer, que cuida de 400 crianças diariamente, dando aulas, comida, passando toda a disciplina. Em parceria com o Apóstolo Estevam, líder da igreja Renascer, que eu já faço parte há cinco anos, nós resolvemos colocar o projeto ‘Lutar para Vencer’ no núcleo de Heliópolis, onde a gente vai cuidar dessas crianças também no esporte, no Jiu-Jitsu, passando a disciplina, respeito, levando o esporte com ideal de afastar eles das drogas, criminalidade… Dar uma oportunidade de vida melhor através do esporte”, disse.

    “Tudo que o esporte traz de bom, a gente está levando para eles em união com o trabalho excepcional que a igreja já realiza. A gente vem com esse algo a mais através do ‘Lutar para Vencer’, que já é o maior projeto social de lutas do Brasil. Vamos focar em Heliópolis e formar atletas e campeões, oferecendo um futuro melhor para eles”, declarou Matheus, que também vem se destacando na tentativa de levar o Jiu-Jitsu para as escolas de SP.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome