Whittaker recebe alta após cirurgia e tem retorno previsto para junho; saiba mais

    Whittaker não sabe contra quem será a sua defesa de cinturão após se recuperar da cirurgia (Foto: Getty Images)

    Robert Whittaker recebeu alta do hospital em Melbourne (AUS) após passar por uma cirurgia de emergência. O campeão dos médios foi diagnosticado com uma hérnia abdominal horas antes do UFC 234, no último sábado (9). O lutador iria defender o cinturão contra Kelvin Gastelum, mas precisou abandonar o confronto.

    O agente do campeão, Titus Day, disse à ESPN americana que Whittaker estará liberado para voltar a treinar em quatro semanas e pronto para lutar entre junho e agosto.

    A respeito de quem será o desafiante ao cinturão, Whittaker disse, em seu canal no YouTube, que não sabe o que UFC vai fazer. No sábado, Israel Adesanya teve uma excelente performance e se credenciou ao title shot após vencer o ex-campeão Anderson Silva por decisão unânime. No entanto, Gastelum, que seria o desafiante, aguarda a luta ser remarcada e ainda desfilou pela arena em Melbourne com o cinturão nos ombros.

    “Eu não estou preocupado. Eu não sei o que o UFC quer fazer com Gastelum e Adesanya agora porque, obviamente, eu já ouvi muitas coisas. Como o UFC quer alinhar Gastelum ou Adesanya… Pode levá-los a lutar contra alguém antes”, opinou o campeão dos médios.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome