Atleta olímpico destaca trabalho psicológico para elevar performance: ‘Consigo separar os sentimentos’

    Patrick ao lado da psicóloga Renata na palestra ministrada no Desafio Verão da FJJD-Rio (Foto: Reprodução)

    Oriundo do Instituto Todos na Luta, sediado no Vidigal, na Zona Sul do Rio de Janeiro, Patrick Lourenço vem acrescentando um aspecto valioso em seu jogo: preparação mental. O pugilista, de 25 anos, tem feito um trabalho com a coaching Renata Carvalho que está surtindo bons resultados dentro dos ringues. A psicóloga realizou uma palestra no Desafio Verão da FJJD-Rio, no último fim de semana, no Parque Olímpico do Rio. O tema foi sobre “sobre alta performance e ansiedade” nas competições. O atleta olímpico comentou.

    “Meu trabalho com a Renata está sendo fundamental na minha carreira de atleta e na vida pessoal. Hoje, eu consigo separar os sentimentos de ansiedade, nervosismo e consigo expor todos eles nas horas certas. Em uma competição importante, com uma torcida enorme, hoje eu consigo blindar e focar a todo momento o que preciso fazer”, disse.

    Além disso, a respeito do impacto das questões psicológicas dentro de uma luta, Patrick afirmou que é até maior que 50%. O carioca ainda garantiu que consegue raciocinar “mais rápido” e “melhor” dentro de um combate para tomar as decisões corretas.

    “O impacto é super positivo. Luta de Boxe é quase um jogo de xadrez, porque temos que pensar e raciocinar em pequenos instantes o que devemos fazer. Mudar estratégia durante situações complicadas. Luta de Boxe não é só corpo e contato, mas tem 50% ou mais da mente na hora da luta. E hoje me sinto mais seguro e tenho o raciocínio rápido”, finalizou.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome