Khabib rebate rumores sobre ‘perda’ de título e manda recado a Ferguson: ‘Teve a chance e desperdiçou’

    Khabib mandou recado para o peso-leve Tony Ferguson (Foto: Getty Images)

    Após o anúncio da disputa de cinturão interino no peso-leve, entre Max Holloway e Dustin Poirier, que acontecerá no UFC 236, marcado para o dia 13 de abril, muitos se questionaram a respeito da ausência de Tony Ferguson, considerado um dos principais lutadores da categoria e vindo de uma incrível sequência de 11 vitórias consecutivas na organização.

    De acordo com a ESPN americana, Tony, inicialmente, teria recebido a proposta para disputar o cinturão interino contra Max Holloway, mas recusou a oferta, ressaltando que só o interessa enfrentar o russo Khabib Nurmagomedov, atual campeão linear dos leves. Desta forma, a franquia, em seguida, convocou Dustin Poirier, que aceitou o chamado.

    Khabib, inclusive, usou suas redes sociais para responder os rumores de que poderia ter seu título linear retirado em virtude de sua suspensão, que só acabará em novembro, por conta da confusão protagonizada no UFC 229. O russo falou sobre o assunto e aproveitou para mandar um recado justamente para Tony Ferguson a respeito da recusa do lutador em disputar o cinturão interino.

    “Quero lembrar a todos que, antes de eu me tornar campeão, estive próximo de disputar o cinturão três vezes, e em todas elas eu perdi essa oportunidade. Primeiro foi em 2016, quando me ofereceram uma luta no mês do Ramadã e eu a recusei. A segunda vez foi no UFC 205, em Nova York, quando me foi oferecida a disputa do cinturão, assinei o contrato, mas a luta foi repassada a outro atleta. Vocês conhecem a história. A terceira vez foi no UFC 209, quando fui hospitalizado e quase morri. Após cada uma dessas vezes eu disse a mim mesmo: ‘Você perdeu sua chance, agora a reconquiste com mais uma vitória’.

    Tony, você teve sua chance e a desperdiçou, e a culpa é toda sua. Você sabe que eu não posso lutar, e não é justo que o meu cinturão seja retirado. Eu lutei três vezes em nove meses. Conquistei meu cinturão e o defendi. Você merece uma disputa de título. é um grande lutador e oponente, mas agora você tem que lutar, ou esperar que minha suspensão acabe e que lutemos (embora o UFC não queira que isso aconteça). Não entendo suas ofensas. Se você caiu, tem que se levantar, e não reclamar.”

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome