Aluna de escola em Suzano (SP) revela como o Jiu-Jitsu ajudou a escapar; veja

    Rhyllary usou suas técnicas de Jiu-Jitsu para escapar de um dos assassinos (Foto reprodução)

    A Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), passou por momentos de pânico na última quarta-feira (13), quando Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique Castro, de 25, invadiram o colégio encapuzados e mataram sete pessoas – cinco alunos e duas funcionárias. Em seguida, um dos assassinos atirou no comparsa e, então, se suicidou.

    O caso chocou o Brasil e repercutiu mundialmente, no entanto, a situação poderia ser ainda pior se uma das alunas, Rhyllary Barbosa, não tivesse utilizado seus conhecimentos de Jiu-Jitsu. A paulista, de apenas 15 anos, foi uma entre tantos jovens a tentar fugir da escola no momento em que Guilherme e Luiz invadiram o local. A estudante, todavia, ao tentar sair do colégio, acabou de encontro com um dos assassinos, que imediatamente a tentou segurar e chegou a agredi-la. Rhyllary, então, conseguiu controlá-lo, evitou uma queda e se desvencilhou, saindo do local rapidamente e assim dando a brecha para outros saírem.

    Em entrevista à TV Record, a praticante de Jiu-Jitsu contou como a modalidade pôde ajudá-la em um momento de pânico, ressaltando que suas técnicas e a calma foram determinantes para que pudesse se livrar da ação do assassino e escapar ilesa do colégio.

    Assista abaixo:

    27 COMENTÁRIOS

    1. Parabéns ela !!!

      Obrigado Wizard Maringá por investir no jiu-jitsu ( meu filho tem patrocínio da Wizard Maringá ) e leva o nome da escola pro campeonato Brasileiro deste ano!!!
      *Campeão kids internacional 2015(Califórnia)
      *Campeão Brasileiro 2015
      *Vice campeao 2017
      *Terceiro lugar 2018

      Que venha 2019
      Oss!

    2. Nada haver, ela deu foi muita sorte de o atirador estar sem munição. Não houve técnica alguma, ela fez o que qualquer pessoa nas condições dela poderia fazer, mesmo assim tomou muito soco.
      Ali não teve nada de jiu-jitsu ou qualquer outra arte marcial, foi desespero mesmo tanto dela que queria sair quanto dele que não sabia se segurava a menina ou recarregava a arma.
      Agora inadmissível foi um monte de marmanjo correndo enquanto a menina apanhava e ninguém pra aproveitar a oportunidade e imobilzar o atirador.

      • Para de falar bosta, pelas suas palavras você é leigo pra caralho! A garota foi sensata demais nas palavras e pelo vídeo dá pra ver sim que ela tem técnica! Passar bem.

      • É fácil criticar quando está fora da situação, ela foi corajosa sim ,nao é qualquer pessoa que conseguiria reagir em meio a esta situação outra pessoa poderia ter caído e acabado morta ela usou sim técnicas de jiu-jitsu as práticas ao jiu-jitsu ajudou com que ela não caísse e ao balançar ele, ela desinstabilingue ele sim. Muito corajosa e heroína👏👏👏👏👏

      • Negativo jovem, por seus comentários vê-se que nunca colocou os pés em um tatame. O fato de ela ter se equilibrado em pé enquanto era socada e ter força suficiente para de desvencilhar da pegada de um homem q em tese é mais forte demonstra sim que é uma menina q se prepara e utilizou sim reflexos utilizados no dia a dia dos treinos de jiu-jitsu. Se não sabe… fica quieto

      • Olhando de fora tudo parece fácil, imagine o estado emocional desses jovens sem saber ao certo o q estava acontecendo correndo pelo corredor e já vendo corpos pelo chão a única coisa q devia está passando pela cabeça era de se salvar, estavam desesperados. De uma certa forma ela mesmo desesperada conseguiu se estabilizar para sair das mãos, com certeza o esporte auxílio muito diante dessa triste realidade.

      • Eu disse a mesma coisa quando vi a matéria,não teve uso nenhum de jiu-jítsu,nem mesmo o básico. Agiu instintivamente nada mais que isso!

      • Pensei o mesmo ao ler a notícia, mas de ouvir a aluna vi que ela falou que por praticar o jj ela ficou mais a vontade para encarar a situação, encarar o medo e, inclusive, tentar desestabilizar o homicida.

      • O imbecil. Uma menina de 15 anos e na faixa branca ainda usou o q sabia de jiu jitsu e teve um bom resultado naquela situação. Ela não caiu no chão, quase derruba ele, o que não ajudaria em nada, mas é significativo. Para efeito de comparação, tenta imaginar um fisiculturista mister Universo tentando te derrubar e te dando murros e mesmo assim vc escapando.

      • Teve sim se vc não entende não fala se disso outra pessoa sem treinamento teria caído na hora ele chuta os pés dela e ela está com ele firme no chão e sempre com o corpo curvado.

    3. Oss…o meu filho compete desde os 15 anos e hoje,faixa preta,da aulas no Emirates..vive do que gosta!Parabéns pelos ensinamentos e Viva !

    4. Meu filho luta Jiu-jitsu também, e uma arte muito interessante, muita defesa… João eudes campeão pernambucano e tricampeão copa agreste de Pernambuco! Eu aprovo o Jiu-jitsu

    5. Nooossa parabéns a moça pela coragem, apesar de todo desespero do momento, ela conseguiu se manter firme e escapar do assassino usando o que aprendeu no jiu-jitsu.
      Triste pelos que não conseguiram, mas muito muito muito….feliz por ela.
      Que Deus a abençoe grandemente.

    6. Sempre ouvir “antes vc saber e não precisar, do que precisar e não saber “

      Sempre será uma defesa pessoal.

    7. Claudinei , como eles iriam imobiliza-lo, se eles ficassem lá o outro viria com o revólver e mataria mais gente, eles estavam correndo era do outro q estava com a arma de fogo, nessas horas só se pensa em se salvar.

    8. Não vi nenhuma ação de luta na ação do CRIMINOSO, era o que torci seria algum aluno PARTIR para cima do maluco, desculpa mas não vi ação da estudante que peloviato só queria sair dali, poderia ter ao menos aplicado ajoelhada nas genitais do doidão. Obs: não é legal fabricar heróis agora. Bom, mas meus sentimentos A todos familiaresenvolvidos das vitimas neste masacre, como também toda comunidade da cidade enlutada.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome