‘Aposta’ do UFC, Marina Rodriguez mira primeira vitória e afirma: ‘Eles viram o meu potencial’

    Marina Rodriguez vai em busca de sua primeira vitória lutando pelo UFC (Foto: Getty Images)

    Por Mateus Machado

    Após estrear no UFC com um empate contra Randa Markos no UFC São Paulo, realizado em setembro do ano passado, Marina Rodriguez entrará em ação mais uma vez neste sábado (30), no card do UFC Filadélfia, onde terá pela frente a experiente Jessica Aguilar, que teve boas passagens por Bellator e WSOF, no entanto, no Ultimate, vem em má fase. com três derrotas em quatro lutas.

    Invicta no MMA, com 10 vitórias e um empate em seu cartel, a brasileira impressionou Dana White e companhia ao nocautear Maria de Oliveira ainda no primeiro round, em duelo válido pelo Contender Series, reality show comandado pelo presidente do UFC, onde os atletas que se destacam assinam contrato com a organização. Desta forma, após enfrentar uma lutadora ranqueada em sua estreia no Ultimate, Marina agora vê em Aguilar mais uma oportunidade de crescer rapidamente na franquia, retribuindo a confiança em seu potencial depositada pelo UFC.

    “Isso (aposta do UFC em seu potencial) a gente percebeu desde que assinamos com o UFC após a vitória por nocaute no Contender Series. O UFC gostou muito, o Dana White também, viram o meu potencial. Estão apostando, fazendo um plano muito legal para mim dentro da organização e espero corresponder à altura para poder fazer jus às escolhas que eles estão fazendo para mim”, disse a gaúcha, em entrevista à TATAME.

    Confira a entrevista com Marina Rodriguez na íntegra:

    – Lesão e troca de adversária em preparação

    Eu comecei a preparação, na verdade, para lutar em fevereiro, quando eu ia enfrentar a Alexa Grasso no UFC Fortaleza. Então, a preparação já vem desde outubro, novembro… Em dezembro eu tive uma lesão na mão e tivemos que adiar a luta, que foi realocada para esse UFC Filadélfia (no sábado), mas com 10 dias para a luta, a Grasso se machucou, então colocaram a Jessica Aguilar no lugar. Então, a minha preparação foi intensa a partir de dezembro para pegar a Grasso, e quando substituíram, tivemos uma surpresa, mas ficamos bem felizes por colocarem uma substituta imediatamente.

    – O que mudou na reta final de preparação com a mudança de oponente?

    A gente não alterou muita coisa, só intensificamos mais a parte de luta agarrada, que era o que já estávamos fazendo para lutar com a Alexa Grasso, então só alteramos algumas coisas na estratégia e acrescentamos alguns detalhes especiais para essa luta especificamente.

    – Análise de Jessica Aguilar, adversária no UFC Filadélfia

    Ela é uma atleta bem dura. Não conseguiu emplacar vitórias no UFC, e não vai ser agora que ela vai conseguir, obviamente (risos). O UFC tem um nível diferenciado. Na minha estreia, contra a Randa Markos, eu vi que o nível é outro dentro do UFC, e mesmo assim, na minha visão, venci dois rounds. Agora já não é mais estreia, estou mais tranquila e bem confiante com a preparação que eu fiz. Creio que a Aguilar vai vir para o ‘tudo ou nada’, por pegar a luta com poucos dias de antecedência. Então é seguir a estratégia, partir para cima e conseguir essa vitória.

    – Duelos contra atletas duras já no início da trajetória no UFC

    Isso a gente percebeu desde que assinamos com o UFC após a vitória por nocaute no Contender Series. O UFC gostou muito, o Dana White também, viram o meu potencial. Estão apostando, fazendo um plano muito legal para mim dentro da organização e espero corresponder à altura para poder fazer jus às escolhas que eles estão fazendo para mim.

    – O que fazer para conquistar a primeira vitória no UFC?

    Na luta contra a Randa Markos (estreia com empate), eu acredito que cometi um pequeno erro, coisa de estreante, que ela conseguiu dominar. Se não fosse aquele erro, seria uma luta franca, como foi nos últimos dois rounds. Creio que, para essa luta, vai ser assim também. Estou bem treinada para manter a luta no meu jogo, dominando desde os primeiros rounds e buscando o nocaute.

     

    Visualizar esta foto no Instagram.

     

    ⠀ Essa é a minha equipe para o UFC Philadelphia! ???? ⠀ Treinando muito bem, cada vez mais confiante e determinada ????!! ⠀ ⠀ ☝???? ____________________________ ⠀ Apoiadores:⠀ @tafaroficial ⠀ @proqualityingleses ⠀ @regissantosfisioterapia ⠀ @fernando_moreira_nutri⠀ @drleonardoosteopata⠀ @diogomarques.pro⠀ @sportblock ⠀ @bravourbrazil ⠀ @influxfloripaingleses ⠀ @sheilabello.72 ⠀ @estetica.moriah ⠀ @sacolaodosingleses ⠀ @salaodebelezamyahair⠀ @complexoesportivoaquarius⠀ @gelobrasil ⠀ ⠀ ? Patrocínios/Apoios: Contato ➡️ Direct ⠀ ____________________________ ⠀ #thaibrasil #asteam #topfightagencia #muaythai #jiujitsu #mma #ufc #wmma #floripa #strawweight #praiadosingleses #dwtncs #ufcphiladelphia #contenderseriesbrasil #wmmarz ⠀ ⠀

    Uma publicação compartilhada por Marina Rodriguez ?? (@marinarodriguezmma) em

    – Projeção para futuro no UFC

    Eu prefiro não falar e nem projetar quantas vitórias eu preciso ter para chegar ao Top 10, Top 5 da categoria. Meu foco é nessa luta de sábado e, aos poucos, ir conquistando o meu espaço. Fico feliz que o UFC esteja colocando lutadoras duras para eu enfrentar, isso mostra que eles, realmente, veem potencial em mim. O que eu quero é justificar a aposta do UFC em mim e chegar ao topo com vitórias convincentes.

    CARD COMPLETO:

    UFC Filadélfia
    Sábado, 30 de março de 2019
    Filadélfia, nos Estados Unidos

    Card principal
    Peso-leve: Edson Barboza x Justin Gaethje
    Peso-médio: David Branch x Jack Hermansson
    Peso-pena: Josh Emmett x Michael Johnson
    Peso-palha: Michelle Waterson x Karolina Kowalkiewicz
    Peso-meio-pesado: Kennedy Nzechukwu x Paul Craig
    Peso-pena: Sheymon Moraes x Sodiq Yusuff

    Card preliminar
    Peso-palha: Marina Rodriguez x Jessica Aguilar
    Peso-leve: Ross Pearson x Desmond Green
    Peso-pena: Kevin Aguilar x Enrique Barzola
    Peso-médio: Kevin Holland x Gerald Meerschaert
    Peso-mosca: Ray Borg x Casey Kenney
    Peso-mosca: Maryna Moroz x Sabina Mazo
    Peso-galo: Alex Perez x Mark de la Rosa

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome