Ex-lutador do UFC sofre lesão e tem estreia adiada pelo Brave; nova luta será em card estrelado na Jordânia

Publicado em 11/03/2019 por: Nilmon
Ex-lutador do UFC sofre lesão e tem estreia adiada pelo Brave; nova luta será em card estrelado na Jordânia

publicidade

O peso-mosca José Torres terá que esperar um pouco mais para fazer sua estreia no Brave Combat Federation. O norte-americano iria enfrentar o sueco Amir Albazi na luta co-principal do Brave 22, que acontece no dia 15 de março, nas Filipinas, mas sofreu uma lesão não revelada e foi obrigado a deixar o seu compromisso inicial na nova casa.

Após consultas com as equipes dos dois atletas, o Brave decidiu remarcar o duelo para seu próximo evento, o Brave 23, que ocorrerá no dia 19 de abril, na Jordânia. Torres deverá ficar poucas semanas fora de ação e estará pronto para fazer sua estreia no estrelado card.

Sem a presença de Torres x Albazi, outro astro irá substitui-los no Brave 22. Companheiro de equipe de Conor McGregor, Cian Cowley buscará sua terceira vitória seguida diante de John Brewin na nova atração co-principal, no evento que marca a estreia da maior organização de MMA do Oriente Médio em território filipino. Na luta principal, Stephen Loman buscará a terceira defesa do seu cinturão peso-galo diante de Elias Boudegzdame.

Enquanto isso, a estreia de Torres se tornará mais uma grande atração do já histórico Brave 23. O retorno da promoção à Jordânia contará com três disputas de título, incluindo nova chance de cinturão para o brasileiro Luan “Miau” Santiago. O atleta da CM System tentará vingar o amigo Lucas Mineiro diante do campeão peso leve Abdul-Kareem Al-Selwady. Na luta principal, Jarrah Al-Selawe defende seu cinturão meio-médio contra Abdoul Abdouraguimov, enquanto Eldar Eldarov e Mounir Lazzez lutam pelo superleve.

Veja também

publicidade

Mais lidas

publicidade

Newsletter

Assine nossa Newsletter e receba notícias e novidades em primeira mão

publicidade