Prata no Pan-Americano da IBJJF, PM do Geração UPP celebra: ‘Competição mais importante antes do Mundial’

    Francisco Toledo faturou a medalha de prata na disputa do Pan da IBJJF (Foto: Divulgação)

    Instrutor do Geração UPP, o recém-graduado à faixa-marrom Francisco Toledo subiu no pódio no Pan-Americano de Jiu-Jitsu da IBJJF disputado no final de março, na Califórnia (EUA). Para chegar à final, o policial militar teve que superar dois adversários. Na final, acabou parado por um americano da equipe de Renzo Gracie, mas nada que tirasse o brilho de sua participação.

    “Fui com o objetivo de ser campeão, como em todas as competições que disputo, mas o vice-campeonato não foi ruim, pois consegui dar o meu máximo”, destacou Toledo. “Na final, não diria que errei, prefiro dar o mérito da vitória para o meu adversário, pois ele realmente foi melhor na luta”.

    Acostumado a ganhar a maioria das competições que disputa em território nacional, o lutador/PM confessa que, no início, sentiu a diferença de atmosfera do Pan, mas no embalo das lutas, acabou voltando ao normal.

    “Com certeza senti algo diferente, pois se tratava do Pan, um campeonato que reúne os melhores do mundo. Para mim, é a competição mais importante antes do Mundial. Mas depois que entrei no tatame passou aquela ansiedade”, contou.

    Francisco Toledo é um das dezenas de policiais que leva os ensinamentos do Jiu-Jitsu à crianças e jovens moradores de comunidade por meio do Geração UPP, projeto social mantido pela Legião da Boa Vontade em parceria com Prime Esportes, Super Rádio Brasil, Boomboxe e Secretaria de Estado de Polícia Militar.

    Francisco Toledo é faixa-marrom de Jiu-Jitsu e instrutor do projeto social Geração UPP (Foto: Divulgação)

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Comente
    Seu nome